Zé Reinaldo dispara – “Refinaria de Bacabeira foi o maior estelionato eleitoral da história do Maranhão”

zé reinaldo na capital 1

 

Indicado como futuro secretário de Minas e Energia do governo Flávio Dino (PC do B), o deputado federal eleito José Reinaldo Tavares (PSB), que foi ministro dos Transportes e governador do Maranhão, afirmou, durante entrevista ao jornalista Djalma Rodrigues, no programa Notícias da Capital, na Rádio Capital AM, que a prometida Refinaria Premium de Bacabeira foi o maior estelionato eleitoral já registrado no Maranhão, defendendo uma rigorosa apuração nos gastos de mais de R$ 1 bilhão somente em serviços de terraplanagem.

“A governadora Roseana Sarney não tinha condições de ganhar a eleição em 2010. Sua administração já vinha cansada e estigmatizada por denúncias de corrupção. O grupo Sarney então preparou essa história da Refinaria Premium, prometendo um novo Eldorado no Maranhão, com mais de 100 mil emprego e fantasiando um projeto que, até agora não saiu do papel, mas serviu para que ela fosse reeleita”, disse o ex-governante.

Questionado por dezenas de ouvintes sobre vários assuntos pertinentes à pasta que ocupará a partir de janeiro de 2015, Zé Reinaldo enfatizou que a Secretaria de Minas e Energia, atualmente apagada, vai ter um papel fundamental no desenvolvimento do Maranhão a partir do governo Flávio Dino.

De acordo com Zé Reinaldo, as riquezas minerais do Maranhão são abundantes e pessimamente aproveitadas. Ele destacou as reservas de gás natural existentes nas regiões dos Lençóis e nos municípios de Capinzal do Norte, Santo Antonio dos Lopes e Dom Pedro. Foram, entregues a empresas que não tem qualquer compromisso com o Maranhão.

“Pelas diretrizes do governador, eleito Flávio Dino, iremos estabelecer metas, para que os maranhenses possam usufruir de suas riquezas. Uma delas é a construção de um gasoduto, entre Capinzal do Norte e São Luís, para que possamos exportar o gás e possamos competir no mercado internacional”, disse Zé Reinaldo.

Ele destacou que as reservas de Capinzal do Norte não podem ser comparadas a uma Bolívia, (como disse o investidor falido Eike Batista, sócio do governo de Roseana na exploração de gás no Maranhão) mas são suficientes para gerar emprego, renda e proporcionar a melhoria da qualidade de vida dos maranhenses.

PPP E GASMAR

Para a construção desse gasoduto, Zé Reinaldo disse que ela ficará a cargo da Companhia Maranhense de Gás (Gasmar), empresa de economia mista criada durante o seu governo e que atualmente praticamente desapareceu do mapa administrativo do Estado.

“O gasoduto é importante, é fundamental e pode ser construído através da Parceria Público Privado (PPP). É um método eficiente, mas deve ser compartilhado com empresas idôneas e que tenham experiência comprovada”, disse Zé Reinaldo, criticando a parceria feita com o grupo de Eike Batista, falido e que hoje andas às voltas com dezenas de pendências judiciais.

De acordo com Zé Reinaldo, o governador eleito Flávio Dino tem dito, em reuniões com o secretariado que quer resultados positivos a curto prazo. “Ele quer ação imediata e tem dito que seu governo terá a marca do trabalho e da competência.

O ex-governante maranhense assinalou que Flávio Dino tem tudo para a realização de um governo histórico por várias razões: “O Flávio Dino conhece o Judiciário, Executivo, o Legislativo. Ele foi juiz federal e poderia hoje ser ministro do STF, abandonou a magistratura para ser político e foi um dos mais influentes deputados federais em sua primeira e única legislatura, além de haver conduzido a Embratur de forma positiva. Isso mostra que tem competência comprovada e fará uma excelente administração”, disse Zé Reinaldo.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*