E-mail pra dona Bibi

Foto de Mãe Bibi

 

Olá, minha fofa muito bom dia! Espero que esteja tudo às mil maravilhas por aí. Por aqui, gatinha, o bicho pegou! O bicho pegou, Bibi de Deus! Pilharam o líder do governo no Senado, o Delcídio Amaral numa teia de maracutaias, que o envolvem até o pescoço na Lava-Jato. O homem estava negociando com o Cerveró, uma mesada de R$ 50 mil por mês, para que o ex-diretor internacional da Petrobrás não o delatasse.

Deu com os burros n’água. O filho do Cerveró gravou a proposta e entregou tudo para a Polícia Federal, que formulou o pedido de prisão por obstrução dos trabalhos. O STF prontamente atendeu e o Delcídio entrou para a História. É o primeiro senador a ser encaminhado para o xilindró, em pleno exercício do mandato, após a redemocratização no País.

 

E pode sujar ainda pra muita gente do PT. É que o partido, logo após a prisão, jogou o Delcídio pras cobras. Uma nota assinada pelo presidente da sigla, o Rui Falcão, destacou que a sigla não iria mover uma palha para livrar o senador da enrascada, ao contrário do que fez com o Zé Dirceu, o Genoíno e outros membros da quadrilha, que foram tratados como heróis.

Deprimido e revoltado, depois de ter sido chamado de idiota e de imbecil pelo ex-presidente Lula, por ter deixado que a conversa fosse gravada, o Delcídio já negocia com a Procuradoria Geral da República, os termos de sua delação premiada. Pode esperar, morena, que a coisa vai feder.

 

Nesse tsunami justiceiro que está levando empresários e políticos para a cadeia, pode sobrar pra radiola da família Sarney. Negócio é o seguinte: O presidente da CBF, o Del Nero que  até o nome soa como mafioso, não pode sair do Brasil, sob o risco de ser preso. Por isso, renunciou ao cargo no Conselho Executivo da Fifa, sendo substituído pelo empresário Fernando Sarney, que é vice-presidente da CBF no Nordeste.

O problema está bem aí. O Fernando ainda vai ser submetido ao teste de moralidade administrativa. Foi seu nome aparecer como substituto do Del Nero e a imprensa já baixou o malho.

Neguinho tá lembrando aquela história da Operação Boi Barrica, depois rebatizada de Facktor, sobre operações nebulosas com o dinheiro público, durante a campanha da irmã, Roseana Sarney ao governo do Maranhão. Estranhamente, a Justiça Federal proibiu a divulgação  das apurações da Facktor. Será que agora, a Justiça ainda vai manter essa história em sigilo?

Bem, minha fofa, vamos agora às mais interessantes da semana por aqui.

*

A mídia nacional divulgou o que até as pedras de cantaria do Centro Histórico de São Luis sabiam. O deputado federal Aluízio Mendes era o informante da família Sarney dentro da Polícia Federal.

*

Ele informava ao clã todo o desdobramento da Operação Facktor e teria dito ao então senador Sarney, que iria sair uma preventiva contra o empresário Sarney, fazendo com que ele se munisse de um habeas corpus preventivo.

*

Dentro do grupo Sarney, neguinho diz que foi por esse motivo que o deputado estadual Raimundo Cutrim caiu em desgraça com os Sarney, já que também sabia do pedido de preventiva, mas não teria se preocupado em avisar os amigos. Nessa ocasião, Cutrim era secretário de Segurança de Roseana Sarney.

*

O comandante da Polícia Militar, coronel Alves deu uma botinada no Direito, ao mandar um major intimar o radialista Silvan Alves, para uma audiência na corporação. Esse papel é da Polícia Civil.

*

Olha Bibi, tem gente informando aqui ao teu pretinho, que estão tentando de qualquer maneira, “fritar” o comandante geral do Corpo de Bombeiro Militar do Maranhão, coronel Célio Roberto. Quem está com um punhal é gente que fica bem ao seu lado.

*

Também circulam boatos de que a alta cúpula do governo Flávio Dino estaria de olho em alguns secretários, pelo fato de estarem negociando acordo com comunicadores considerados adversários.

 

*

O ex-deputado federal Domingos Dutra está do jeito que gosta. Pré-candidato a prefeito de Paço do Lumiar, já iniciou a campanha. Todo dia faz panfleto contra o prefeito Josemar Sobreiro.

*

Mas o Dutra está gastando dinheiro e energia à toa. Pra derrotar Josemar não precisa de muito trabalho. Ele é reprovado por mais de 90% da população daquele município. Um dos piores prefeitos dessa safra.

*

O deputado Fernando Furtado, que está no lugar de Bira do Pindaré, atualmente ocupando a Secretaria de Ciência e Tecnologia, retornará à suplência em dezembro, para alívio do governador Flávio Dino.

*

Como correligionário e aliado, Fernando Furtado faz mais estragos do que os mais combativos adversários do governador. Ele faz parte da bancada da Pesca, mas há quem diga que também não é boa bisca, a exemplo dos deputados Júnior Verde e Edison Araújo.

*

Tão querendo inovar lá pelas bandas do município de Santa Helena. Um grupo de políticos está querendo a realização de um debate entre os candidatos a prefeito daquela cidade.

*

Olha, fofa, fui almoçar com o Betinho lá no Dona Maria, no meio da semana. O homem quase ultrapassa os limites, ao devorar uma pescada ao molho. Prestatenção, Don a Creusa!

*

O caso da adolescente que meteu bala num sargento da PM em Icatu, na sexta-feira, por ciúme, não difere muito do que pretende uma cidadã aqui de São Luis com um conhecido empresário.

*

Os desdobramentos da operação de combate à agiotagem no Maranhão estão deixando muitos políticos e empresários de cabelo em pé e aumentando a dosagem de Lexotan.

*

A licitação no sistema de ferry-boates em São Luis deverá garantir mais segurança aos passageiros, já que as embarcações que operam no trecho São Luis-Cujupe-Alcântara, representam um grande risco de vida.

*

Os bandidos continuam infernizando a vida da sociedade em São Luis. A Segurança tem de ser reforçada e com muita urgência. O sufoco é grande, Bibi.

*

Olha, minha fofa, com essa, teu pretinho vai se despedindo por aqui, garantindo retorno na próxima semana, se Deus quiser. E ele quer, porque sempre foi legal com esse teu pimpolho aqui.

*

Beijão de quem jamais irá de esquecer

Djalma

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*