Chico Carvalho diz que PSL não se dobrará aos oportunistas

 

 

 O presidente estadual do PSL, vereador Francisco Carvalho, distribuiu nota à imprensa, em que reafirma que aquela agremiação partidária ainda não se debruçou sobre as discussões em torno de coligação proporcional e garantiu que a sigla discute coligação majoritária, sem objetivo de lançar pré-candidatura ao governo do Estado.

Destaca ainda o parlamentar, que desde o lançamento da pré-candidatura presidencial do deputado federal Jair Bolsonaro, as redes sociais iniciaram uma onda midiática sobre  as mais variadas  posturas do partido a respeito das eleições deste ano.

Carvalho garante que a Executiva Estadual sempre atuou em sintonia com o Diretório Nacional, e enxerga oportunismo na movimentação de muita gente. Assegura que  o PSL não se dobrará aos oportunistas e que caminhará de acordo com as articulações executadas entre a direção nacional e o diretório  estadual.

Veja a íntegra da nota:

 

 NOTA OFICIAL

 PARTIDO SOCIAL LIBERAL – PSL

DIRETÓRIO ESTADUAL DO MARANHÃO

São Luís-MA,  de março de 2018.

Diante de algumas notícias veiculadas nos meios de comunicação e

nas redes sociais, especialmente em perfis particulares do facebook e instagram, o

Presidente do Partido Social Liberal – PSL no Maranhão, vereador Chico Carvalho, vem a público informar que a Direção Estadual do PSL sempre trabalhou em consonância com a Direção Nacional e foi fiel às suas diretrizes e orientações. E não será diferente nas Eleições de 2018.

Ocorre que, com a filiação do presidenciável Jair Bolsonaro no

PSL, ocorrida no último dia 07 de março, alguns oportunistas tentam, aqui no Estado do Maranhão, surfar na onda Bolsonaro, como se a sigla fosse uma espécie de “terra de ninguém”, onde se lançam candidaturas unilaterais e possíveis coligações à revelia das orientações dos Diretórios Nacional e Estadual, em leviana tentativa de promoção pessoal ou interesses extrapartidários.

Contudo, diversamente do aventado pela mídia e pelos “supostos

candidatos”, comunica-se que o PSL-MA ainda não vislumbra candidatura própria ou sugere apoio a candidato de qualquer outro partido para as eleições majoritárias estaduais (Governador e Senador), bem como ainda não prevê coligar-se com outra agremiação partidária nas proporcionais (Deputado Estadual e Federal).

Caso o PSL-MA decida lançar candidatura própria ou apoiar candidatura majoritária de candidato de outro partido e coligar-se nas proporcionais, as escolhas ocorrerão na sua Convenção Estadual, em decisão conjunta dos Diretórios Nacional e Estadual, sempre levando em consideração o que for melhor para o partido e, principalmente, para o presidenciável Jair Bolsonaro.

Por ora, o PSL-MA está com os olhos postos na formação de consistentes quadros de candidatos para Deputado Estadual e Federal e no fortalecimento da pré-candidatura de Jair Bolsonaro para a Presidência do Brasil.

Sem mais.

Vereador Chico Carvalho

Presidente Estadual do PSL-MA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*