Ex-jogador do Palmeiras morre após ser atropelado em rodovia

Do UOL, em São Paulo

O ex-jogador Mococa morreu na noite de sexta (08) vítima de atropelamento na rodovia SP-340, na cidade de Mococa, interior de São Paulo. Gilmar Justino Dias, o Mococa, tinha 60 anos. A informação foi confirmada pela polícia militar da cidade.

Segundo informações da polícia, o atropelamento aconteceu por volta de 21h30, mas o corpo só foi encontrado após às 23h por se tratar de local com pouco movimento. O motorista que atropelou o  ex-jogador no acostamento da rodovia fugiu do local sem prestar socorro. Segundo a polícia, trata-se de um carro vermelho.

A prefeitura de Mococa decretou luto de três dias pela morte do ex-jogador que levou o apelido da cidade pelo Brasil.

Mococa foi volante nas décadas de 70 e 80. O ex-jogador ficou conhecido por sua passagem pelo Palmeiras. O volante também atuou pelo Santos.

O Palmeiras lamentou a morte do jogador em seu Twitter. “A Sociedade Esportiva Palmeiras e a #FamíliaPalmeiras lamentam profundamente a morte repentina de nosso ex-volante Mococa, vítima de um atropelamento em sua cidade natal, e desejam muita força aos amigos e familiares”

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*