Novo Hospital dos Servidores do Estado entra em funcionamento na segunda-feira

Novo Hospital dos Servidores do Estado

A partir de segunda-feira (5) entra em funcionamento o novo e moderno Hospital do Servidor Público Estadual, unidade credenciada que prestará atendimento médico-hospitalar exclusivo e de qualidade para  servidores e seus dependentes. O secretário de Planejamento, Orçamento e Gestão, Fábio Gondim, disse que o número de atendimento será ampliado de 9 mil para 12 mil em todas as especialidades.

“Serão beneficiados mais de 150 mil pessoas com atendimento de qualidade no hospital e em mais quatro unidades estaduais”, revelou o secretário. Em visita ao Hospital do Servidor Público Estadual, nesta quarta-feira (30), Fábio Gondim informou que a partir do dia 5 de dezembro começam os serviços ambulatoriais, no dia 15 o setor de internação e dentro de 60 dias estarão disponíveis os serviços de urgência e emergência 24 horas com apoio de ambulância.

Localizado na Estrada da Mata – Lote 7.916, Unidade 001, Quadra H, Setor 9, Jardim Lisboa  Cidade Operária (próximo ao Socorrão II), o hospital, disponibilizará 85 leitos, sendo 10 de Unidade de Tratamento Intensivo (UTI), atenderá todos os servidores públicos estaduais (ativos, pensionistas e aposentados) contribuintes do Fundo de Benefícios do Estado do Maranhão (Funbem) e seus dependentes.

A visita à unidade foi acompanhada pelo Defensor Geral do Estado, Aldy Melo Filho; pela Auditora Geral do Estado, Maria Helena Costa; pelo prefeito de São José de Ribamar, Gil Cutrim; atendentes, médicos, enfermeiros e diretores.

A unidade ofertará diversas especialidades médicas, tais como angiologia, cardiologia, cirurgia geral, clínica médica, dermatologia, endocrinologia, gastroenterologia, geriatria, ginecologia, hematologia, nefrologia, neurologia, oftalmologia, otorrinolaringologia, entre outras, além de exames laboratoriais.

Para o presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Estaduais, Cleinaldo Lopes, a expectativa é de que os servidores possam receber um atendimento de qualidade. “Desde que o hospital Carlos Macieira foi desativado que os servidores e seus dependentes não têm atendimento digno na rede pública. Nossa única preocupação é que todos recebam um bom atendimento”, ressaltou

(Assessoria do Governo Estadual)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*