Ex-oficiais do Exército entram como soldados na PM do Maranhão

Episódios  inusitados vem ocorrendo na Polícia Militar do Maranhão, protagonizados por ex-oficiais R2 do Exército, que ingressaram na PM, através de concursos, como soldados raso. Isso provocou uma série de incômodos, desde que pelo menos dois desses militares, buscaram apoio judicial para serem promovidos a oficiais da Polícia, mas não obtiveram vitória, já que a  Justiça alegou que a PM  tem vestibular para o seu oficialato, que é realizado pela Universidade Estadual do Maranhão.

No Maranhão, o Exército, através do 24º Batalhão de Caçadores, forma oficiais R2, através do Núcleo de Preparação de Oficiais da Reserva (NPOR). Ao concluírem o curso, os novos cadetes sabem que tem prazo determinados para permanência nas fileiras do Exército, que é, de no máximo 8 anos.

Muitos deles ao deixarem o Exército, geralmente são recrutados para grandes empresas, como Vale, Alumar e outras, por conta da capacitação técnica e da rigidez disciplinar quer adquirem nas Forças Armadas. Alguns que são vocacionados para a carreira militar, buscam outras fileiras e, há alguns anos surgiu a história do ingresso de ex-oficiais como soldados na PM.

Há um incômodo nessa situação para  quem é oriundo do Exército, já que foi comandante durante algum tempo e depois passa a ser comandado na base de outra tropa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*