Prefeito de Imperatriz espanca e ameaça assassinar radialista

O prefeito de Imperatriz, Assis Ramos (DEM), agrediu fisicamente, a socos e pontapés, o radialista Justino Filho, na manhã desta sexta-feira, quando o profissional de comunicação visitava a Secretaria Municipal de Desportos. Segundo o comunicador, Assis Ramos estava armado quando cometeu os atos de violência.

Justino, que é repórter e apresentador da Rádio Difusora de Imperatriz e concorreu ao cargo de prefeito do município, em 2016, pelo Trabalhista Cristão (PTC), relatou em vídeo postado em redes sociais que Assis Ramos foi avisado de sua presença na pasta e dirigiu-se imediatamente à rádio para agredi-lo. Ele contou, ainda, que o prefeito estava armado e que ameaçou matá-lo.

O radialista atribui o que chamou de descontrole do prefeito às críticas que faz à gestão municipal, que, em sua opinião, não está sabendo administrar a cidade.

Prefeito confirma agressões

O prefeito confirmou as agressões ao radialista, reconheceu que agiu com excesso, mas garantiu que responderá pelo seu ato. Assis Ramos alegou que agiu com violência em reação aos ataques que vem sofrendo do radialista na emissora em que trabalha. O principal motivo da indignação do prefeito, segundo ele próprio, é o fato de Justino Filho já tê-lo chamado de corrupto repetidas vezes ao microfone. “Não tenho sangue de barata”, justificou.

Prefeito de primeiro mandato, com pretensão de disputar a reeleição em 2020, Assis Ramos trocou recentemente o MDB pelo DEM, partido que integra a base aliada ao governo Flávio Dino (PCdoB)

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*