Cinco maranhenses da mesma família são encontrados mortos no Tocantins

 Esta é a casa onde as vítimas foram encontradas

 

Cinco maranhenses da mesma família foram encontrados mortos dentro de uma casa situada na cidade de Silvanópolis, 120 km de Palmas, no Tocantins.

Livingstone Pereira Tavares, de 65 anos, a mulher dele identificada como Francisca Barros Tavares, 59, a filha do casal reconhecida como Ruth Barros Tavares, 27, e as filhas de Ruth Barros, Milena Barros Tavares, de 8 anos e Jasmim Barros Tavares, 12, foram achados dentro da residência divididos na sala, cozinha, porta dos fundos da casa e ainda em cima de um colchão.

Ao lado do corpo de Livingstone Pereira foi encontrado um revólver, que segundo a polícia tinha a numeração raspada. Na casa não havia sinais de bagunça. Apenas as manchas de sangue. O carro usado pelo avô que tem documentos em dia estava no quintal.

O delegado que investiga o caso, Wagner Siqueira, trabalha com duas possibilidades. A primeira seria a odeia de homicídios múltiplos seguido de suicídio e ainda a presença de uma sexta pessoa na cena do crime. “Preliminarmente se trata de múltiplos homicídios seguido de um suicídio. Agora essa hipótese vai ser comprovada ou não durante a investigação. Não descartamos também uma sexta pessoa na cena do crime”, revelou.

Segundo testemunhas, a família morta se mudou para a cidade há poucos meses e estava vendendo artesanato pelas ruas de Silvanópolis.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.