Câmara de Raposa aprova projeto que   garante o  emprego de 67 concursados

O plenário da Câmara Municipal de Raposa viveu momentos de agitação na tarde desta terça-feira (15), por conta da votação do Projeto de Lei nº 022/2020, de autoria do Executivo, que garantiu a nomeação de 67 servidores concursados e classificados e que já vinham exercendo suas funções nas mais diversificadas áreas.

A matéria começou a tramitar na quinta-feira da semana passada (10), mas foi paralisada mediante um pedido de vistas formulado pelo vereador Magno, quando o placar apontava 3×2 contra a sua aprovação. Nesta terça-feira, o projeto voltou à pauta e foi votado e aprovado em dois turnos, sempre  com  o voto de desempate do presidente Beka Rodrigues.

O vereador Magno Fernandes, que na sessão anterior havia votado contra a matéria, modificou seu voto, embasado no Artigo 37, parágrafo 4° do Regimento Interno. Ao final, a vitória foi dos concursados, que vibraram com o resultado final, que lhes foi favorável.

Votaram a favor os vereadores Beka Rodrigues; Laurivan Uchoa; Wagner Fernandes; Magno da Colônia e Enoque Lisboa, enquanto os vereadores Rosa do Araçagi; Ribamar Inácio; Joaquim Souto e Maria Eliene se posicionaram contra. Os vereadores Josevaldo e Vonei estiveram ausentes da sessão.

Ao final, os vereadores que votaram favoráveis foram cercados pelos servidores que lotaram as galerias. Eles agradeceram pelo posicionamento dos parlamentares. O presidente Beka Rodrigues afirmou que a Câmara cumpriu o seu papel, garantindo o direito de quem, foi classificado em concurso público e que já está no exercício da função.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.