Prefeito de Tufilândia tem que justificar contrato milionário com empresa que é alvo da Polícia Federal  

  O prefeito Vildimar, vulgo Vilde, da cidade de Tufilândia vai ter que explicar contrato de quase R$ 3 milhões para aquisição de medicamentos e insumos hospitalares, com a empresa piauiense Droga Rocha Distribuidora de Medicamentos, com sede em Teresina.  A Droga Rocha é a empresa envolvida no escândalo do desvio de mais de R$ 40 milhões, alvo da Polícia Federal  e que acabou culminando no afastamento do prefeito Felipe dos Pneus.

Recentemente, o vereador  Waldenilson Lima, protocolou requerimento junto à Mesa Diretora da Câmara Municipal de Tufilândia, para que a Câmara solicitasse informações do prefeito quanto ao detalhamento dos processos licitatórios, emissões de notas e fiscais e cópias dos contratos com a Droga Rocha.

Com larga margem de apoio no Legislativo, o prefeito se livrou desse incômodo temporário. Mas deve vir chumbo grosso por aí. Há informações de que opositores deverão protocolar denúncias no Ministério Públicos, em esferas estadual e federal, Controladoria Geral da União, TCE e outros órgãos de fiscalização, além do GAECO, para saber dos segredos que o prefeito guarda em torno desses contratos com a empresa inidônea

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.