Escutec aponta vantagem de Brandão em todos os cenários para o Governo

Pesquisa Escutec/Grupo Mirante de intenções de votos para o
Governo do Maranhão aponta que o governador Carlos Brandão
(PSB) mantém a dianteira sobre o seu principal adversário, senador
Weverton Rocha (PDT), mesmo um mês praticamente fora do
debate eleitoral em virtude de sua internação em São Paulo para uma
cirurgia.

De acordo com o levantamento, ambos cresceram acima da margem de
erro, de 2,19 pontos percentuais – para mais, ou para menos -, com o
candidato do PSB chegando a 27% no cenário estimulado, contra 23% do
pedetista.


Para efeito de comparação, na consulta de maio Brandão aparecia com 24%,
contra 20% de Weverton, que, por outro lado, interrompeu uma sequência
de queda, após trinta dias de intensa pré-campanha pelo Maranhão.
No mesmo cenário, mudança na terceira colocação, agora ocupada por
Lahesio Bonfim (PSC), com 15% – tinha 11% em maio. Ele desbancou o
Edivaldo Holanda Júnior (PSD), que tinha 12% no mês passado, e agora
aparece com 11%.
O ex-prefeito de São Luís foi o único a oscilar negativamente entre os
líderes.


O pré-candidato do Solidariedade, Simplício Araújo, oscilou positivamente,
saindo de 2% para 3%. Hertz Dias (PSTU) e Enilton Rodrigues (PSOL) estão
empatados com 1%.
Outros 8% dos 2 mil entrevistados disseram votar em branco, nulo, ou em
nenhum dos candidatos apresentados, e 11% não sabem, ou não
responderam.
A pesquisa foi realizada em 70 municípios do Maranhão, entre os dias 11 e
16 de junho, e registrada na Justiça Eleitoral sob o número MA-05721/2022.
O nível de confiança é de 95%.
Votos válidos – Se fossem computados apenas os votos válidos – excluídos
brancos, nulos e indecisos, Brandão teria, segundo o Escutec, 33%, contra
28% de Weverton, 19% de Lahesio, 13% de Edivaldo Júnior, 4% de Simplício,
2% de Enilton Rodrigues e 1% de Hertz Dias.

Rejeição – No quesito rejeição, a liderança é do senador Weverton Rocha,
com 23% dos entrevistados afirmando que não votariam nele. Carlos
Brandão foi rejeitado por 17%, seguido por Edivaldo Júnior (8%), Lahesio
Bonfim (7%), Simplício Araújo (6%), Enilton Rodrigues (3%) e Hertz Dias
(3%).
Segundo turno – O Escutec também levantou possíveis cenários de
segundo turno entre os líderes, Carlos Brandão e Weverton Rocha, e os
demais principais concorrentes.
Na primeira simulação, Brandão venceria Weverton por 36% a 34%. O
governador também venceria Edivaldo Holanda Júnior (39% a 23%) e
Lahesion Bonfim (38% a 29%).

Weverton também venceria Edivaldo Júnior, por 39% a 20%; e Lahesio
Bonfim por 35% a 28%.

Fonte- Imirante

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.