Presidente da Câmara de Raposa recebe comissão de servidores do município

O presidente da Câmara Municipal de Raposa, Beka Rodrigues (PCdoB), recebeu na manhã desta sexta -feira (16), uma comissão de servidores daquele município, formada em sua maioria por vigias.

Eles apresentaram ao dirigente do Legislativo de Raposa, uma pauta de reivindicações da qual constam uma série de direitos assegurados no Plano de Cargos e Salario (PCCS), como a atualização da tabela salarial, modificação da legislação em vigor contemplando a jornada de trabalho, implantação da gratificação  do anuênio e repasse da contribuição previdenciária, dentre outros…

Na ocasião, os servidores aproveitaram para lembrar ao presidente, que na época em que o mesmo era presidente do Sindicato da categoria, foi ele o principal articulador na luta pela aprovação do referido Plano de Cargos.

Beka Rodrigues assegurou aos servidores, que vai defender a causa deles junto ao Executivo, por entender que são importantíssimas para o funcionamento da máquina pública.

“Vou acionar imediatamente o setor jurídico e o legislativo desta casa, para que providenciem, o mais rápido possível, as medidas que possamos adotar no sentido de que vocês possam ser contemplados com suas reivindicações, que as considero mais do que justas” salientou o presidente.

   Assembleia Legislativa realiza animada festa em homenagem ao Dia dos Pais

    Em clima de confraternização e muita alegria, a Assembleia Legislativa, por meio do Grupo de Esposas de Deputados do Maranhão (Gedema), realizou, na tarde-noite desta quinta-feira (15), uma animada festa em comemoração ao Dia dos Pais. O evento, realizado na Associação dos Magistrados do Maranhão (AMMA), contou com a presença, dentre outras autoridades, do presidente da Assembleia, deputado Othelino Neto (PCdoB), e da presidente do Gedema Ana Paula Lobato.

Comparecerem pais servidores, familiares, dirigentes da Assembleia, os deputados Zito Rolim (PDT), Dr. Yglésio (PDT) e o professor Marco Aurélio (PCdoB); o prefeito de Codó, Francisco Nagib (PDT), e o secretário de Estado de Articulação Política e Comunicação, Rodrigo Lago.

A Banda Mixtura Fina abriu o evento dando o tom de descontração e animação da festa com um diversificado repertório. Em seguida foi a vez da atração surpresa, a exibição da jovem dupla sertaneja integrada pelos irmãos Fernando e Franco.

O deputado Othelino Neto fez a saudação aos pais servidores, destacando a importância daquele momento de congraçamento, organizado com muito carinho pelo Gedema. “Essa é a forma que temos de cumprimentar cada papai servidor da Assembleia Legislativa. Desejo muitas felicidades a todos os papais aqui presentes, que Deus os abençoe e que tenhamos muitas alegrias no restante deste ano, para que possamos estar sempre em paz, sempre com esperança e sempre com fé de que as coisas melhorarão. Parabéns a todos!”, declarou.

A esposa do deputado Othelino e presidente do Gedema, Ana Paula Lobato, também se pronunciou, saudando os pais: “Sejam todos muito bem-vindos a essa festa que o Gedema preparou para vocês com toda dedicação e carinho. Desejo que seja uma noite muito divertida. Trouxemos um presente para vocês, a dupla Fernando e Franco, que foi a surpresa da noite. Espero que estejam gostando. Todo dia é dia de se comemorar quem a gente ama e quer bem. Vocês, pais, são heróis do dia a dia, são batalhadores. Parabéns! Divirtam-se porque essa festa é toda de vocês”.

Confraternização da família ALEMA

“Estou muito feliz em fazer parte do grupo de colaboradores da Assembleia e, mais ainda, como pai, de participar dessa belíssima festa promovida pelo Gedema. Esse é um momento especial porque celebramos o Dia dos Pais. O presidente Othelino e a Ana Paula têm o prazer de proporcionar este momento para abraçar e parabenizar cada pai da Assembleia. Também sou pai e abraço a todos os pais aqui presentes, desejando-os muitas felicidades”, afirmou o diretor geral da Assembleia, Valney Pereira.

Os deputados Zito Rolim, professor Marco Aurélio e Dr. Yglésio ressaltaram a importância da Assembleia comemorar o Dia dos Pais, parabenizando o Gedema pela realização e organização da festa. “É um ato de reconhecimento ao servidor da Assembleia, aquele que com toda dificuldade consegue conduzir sua família para o bem. Os pais da Assembleia são merecedores dessa linda festa. É o reconhecimento de cada pai servidor desta Casa”, frisou Zito Rolim.

O secretário de Estado de Articulação Política e Comunicação disse que veio trazer o abraço do chefe do poder Executivo, o governador Flávio Dino (PCdoB), a todos os pais servidores e felicita-los pelo transcurso do Dia dos Pais. “A Assembleia é uma parceira do Governo do Estado, deliberando, apresentando e aperfeiçoando propostas do governo. Estamos aqui, para juntos, abraçarmos os pais servidores da Casa do Povo”, complementou.

Sorteio de brindes

Durante a festa foram sorteados dezenas de prêmios. O presidente da Assembleia sorteou o primeiro prêmio e o agraciado da noite foi o servidor do gabinete da Presidência, Railton Campos Costa. “Estou muito feliz. Foi a primeira vez que fui sorteado numa festa dos pais. Gostei do prêmio. A festa está maravilhosa!”, declarou.

A festa dos pais da Assembleia teve como tema “Pai, educa, sonha, acompanha e luta” e foi encerrada com um jantar com cardápio variado, servido a todos os presentes, e um show com a Banda Mixtura Fina.

Avaliação

Para o servidor da Diretoria Financeira, Evandro Camargo Sousa, há 38 anos na Assembleia, pai de três filhos e avô de uma neta, a iniciativa da Assembleia de fazer a festa dos pais demonstra o compromisso da direção da Casa em valorizar e respeitar o servidor. “Sempre participei das festas da Assembleia. É um momento de integração dos servidores. A gente conhece mais pessoas e faz novas amizades. Gostei e parabenizo o Gedema pela organização”, ressaltou.

“Agradecemos o Gedema e o presidente Othelino Neto por promover essa festa. Nós, como pais, estamos felizes por estarmos compartilhando essa festa maravilhosa. É uma demonstração de respeito e consideração aos servidores da Assembleia por parte da Mesa Diretora e do Gedema”, disse o vice-presidente da Associação dos Servidores da Assembleia, Misael Dias Prazeres.

 

 

PSL fortalecido em Jenipapo dos Vieiras

Zaqueu, Chico Carvalho e André Luis

Os presidentes das Executivas regional e municipal do PSL, vereador Francisco Carvalho e Zaqueu Soares Barros, respectivamente, receberam, na tarde desta quinta-feira (15), na sede do partido, no São Francisco, a visita do dirigente daquela agremiação partidária do município de Jenipapo dos Vieiras, André Luís Veras de Souza.

A conversa girou em torno das articulações para o fortalecimento da sigla no Maranhão para as eleições municipais do próximo ano. André Luís afirmou que aquela agremiação partidária tem recebido muitas adesões em sua cidade e anunciou que terá um forte nome para disputar a prefeitura no próximo ano.

Chico Carvalho afirmou que o PSL vem se consolidando a cada dia como um partido de muita ressonância, nas esferas federal, estadual e municipal e destacou que terá um nome competitivo na disputa para a prefeitura da capital, assim como também estará na disputa do governo do Estado

Governo determina suspensão do uso de radares móveis em rodovias federais

Bolsonaro diz que suspensão começa na segunda-feira (19). A reavaliação do uso dos radares será feita pelo Ministério da Infraestrutura, e não há prazo definido para a volta da fiscalização.

Por Vitor Sorano e Felipe Néri, G1


Radar móvel usado em rodovia pela Polícia Rodoviária Federal — Foto: Divulgação/PRF Tocantins

Radar móvel usado em rodovia pela Polícia Rodoviária Federal — Foto: Divulgação/PRF Tocantins

O presidente Jair Bolsonaro determinou a suspensão do uso de radares de fiscalização de velocidade móveis em rodovias federais. A ordem foi publicada nesta quinta-feira (15) no “Diário Oficial da União“, e foi dada ao Ministério da Justiça, responsável pela Polícia Rodoviária Federal (PRF).

O despacho não especifica quando a medida entra em vigor, mas Bolsonaro disse na manhã desta quinta-feira que a suspensão passa a valer a partir de segunda-feira (19).

“A partir de segunda-feira não tem radar até que o Contran [Conselho Nacional de Trânsito, órgão do Ministério da Infraestrutura] decida”, disse o presidente.

O Ministério da Infraestrutura, que será o responsável pela revisão das normas, disse ao G1 que não há prazo definido para que a reavaliação do uso de radares seja realizada e os radares voltem a ser utilizados.

Questionado sobre quando a suspensão começará efetivamente, o Ministério da Justiça não respondeu a pergunta e disse que a resposta cabe à Polícia Rodoviária Federal (PRF).

A PRF, por sua vez, ainda não respondeu até a última atualização desta reportagem.

A suspensão se aplica aos seguintes radares:

  • Estático: instalado em veículo parado ou sobre suporte
  • Móvel: instalado em veículo em movimento
  • Portátil: direcionado manualmente para os veículos

“Estamos com o problema na Justiça agora. Vão tirar R$ 1 bilhão para instalar 8 mil pardares. Com o bilhão, o Tarcísio [de Freitas, ministro da Infraestrutura] asfalta 300 km de rodovia”, afirmou o presidente, se referindo ao plano inicial de instalação de radares fixos, antes do acordo judicial.

Na segunda-feira, Bolsonaro havia afirmado que pretendia acabar com os radares móveis no país já na semana que vem. Na ocasião, ele disse que se tratava de uma decisão dele próprio e que era “só determinar à PRF [Polícia Rodoviária Federal] que não use mais”. O presidente, no entanto, afirmou que poderia voltar atrás se alguém “provar que esse trabalho é bom”.

Prefeito de Mirinzal sofre acidente em Pinheiro

Mais um acidente causado por animal na pista. O prefeito de Mirinzal, Jadilson dos Santos Coelho, sofreu um acidente de carro na noite desta quarta-feira (14), na MA-006, que leva ao município de Pinheiro.

O acidente teria acontecido por volta das 21h30. Ainda segundo informações, o prefeito Jadilson colidiu com um búfalo na pista. De acordo com pessoas da família, o prefeito passa bem e não teve graves ferimentos.

A frente do veículo, uma Toyota Hilux, ficou totalmente destruída.

Sobrinho do vereador Josué Pinheiro morre em trágico acidente

Paulo Victor, ao volante

 

Paulo Victor Lopes Pinheiro, de 35 anos, morreu tragicamente às 14 horas da última terça-feira (13), entre as cidades de Ourilândia e Água Azul do  Monte, no sudoeste do Pará, após perder o controle da carreta Scânia, tendo o pesado veículo capotado e provocando danificação na rede elétrica de toda a região, num percurso de 20 quilômetros. Ele morreu prensado entre as ferragens do pesado veículo.

Paulo Victor era sobrinho do vereador Josué Pinheiro, filho de Maria de Lourdes Lopes Araújo, assessora do parlamentar. Um jovem de identidade ainda não identificada, que tentou retirar Paulo Victor de dentro da cabine, acabou morrendo eletrocutado.

De acordo com a mãe da vítima, Paulo Victor vinha para São Luis, fazer entrega de uma carga para o grupo Mateus. O velório está sendo realizado na Pax União da Rua Grande. O enterro acontecerá hoje à tarde. Paulo Victor deixa três filhos, de 10, 11 e 1 ano e sete meses na orfandade.

Candidata a miss é encontrada morta no interior do Maranhão

  

A jovem identificada como Andreza Romão de 17 anos, foi encontrada morta no início da manhã desta quarta-feira, 14, em um matagal no bairro Serrinha, na cidade de São João do Caru. Andreza havia recentemente participado do concurso de beleza Miss Caru.

De acordo com as primeiras informações, a jovem havia sumido desde a última terça-feira, 13. Andreza foi encontrada hoje com o rosto coberto de fitas adesivas e uma perfuração no pescoço.

A polícia esteve no local apurando as informações e continua investigando o caso. Até o momento não há pistas de quem teria praticado o crime.

A prefeitura da cidade emitiu uma nota de pesar sobre o ocorrido e decretou luto oficial de dois dias. Veja a nota na íntegra:

A Prefeitura Municipal de São João do Caru-MA, em nome do Prefeito Francisco Vieira Alves manifesta profundo pesar pelo falecimento da jovem servidora pública Andreza Araújo Romão.

O Prefeito Municipal de São João do Caru, no uso de suas atribuições legais e, considerando a lamentável perda em virtude do falecimento da jovem servidora publica Andreza  Araújo  Romão e, Considerando que a referida servidora é digna de homenagens como reconhecimento a sua conduta ilibada e aos serviços prestados ao município e, considerando ainda a grande dor que atingiu todos os cidadãos de São João do Caru em virtude do seu falecimento; DECRETA:

Art. 1º – Fica decretado luto oficial de 2 (dois) dias no Município de São João do Caru pelo falecimento de Andreza Araújo Romão. Art. 2º – Fica decretado ponto facultativo nos dias 14 e 15 de agosto de 2019, em todo serviço público municipal, exceto os serviços essenciais. Art. 3º – Esse Decreto entra em vigor na data de sua publicação. São João do Caru, 14 de agosto de 2019.

 

Ao lado da presidente do Gedema e de deputados, Othelino Neto participa da Marcha das Margaridas em Brasília

O presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão, deputado Othelino Neto (PC do B), ao lado de sua esposa, Ana Paula Lobato, presidente do Gedema, da procuradora da Mulher da Alema, deputada Helena Duailibe (SDO), e dos deputados Ricardo Rios (PDT) e Adelmo Soares (PC do B), participou, nesta quarta-feira (14), da 6ª Marcha das Margaridas, em Brasília, que reuniu milhares de mulheres de todos os cantos do Brasil e de outros países em protesto contra a retirada de direitos, o machismo e qualquer tipo de violência.

Nesta edição, a Marcha, considerada a maior da América Latina, teve como tema “Margaridas na luta por um Brasil com soberania popular, democracia, justiça, igualdade e livre violência”.

“Vivenciamos um momento histórico na Marcha das Margaridas, onde mulheres trabalhadoras do Maranhão se juntaram a outras dos mais diversos cantos do Brasil e protagonizaram esse grande movimento. Juntas, pararam a capital brasileira e mostraram sua força, unidas em um só clamor, na luta por seus direitos. A elas, nenhum direito a menos. Essa luta também é  nossa”, acentuou o presidente Othelino Neto.

Cerca de 100 mil mulheres estiveram na grande marcha, percorrendo cerca de 3 km entre o Parque da Cidade e a Esplanada dos Ministérios. A maior delegação foi a do Maranhão, que levou mais de mais de 80 ônibus com mulheres indígenas, quebradeiras de coco, agricultoras, camponesas, sem-terra, acampadas, assalariadas, trabalhadoras rurais, artesãs, seringueiras, pescadoras, ribeirinhas, quilombolas e outras do cenário rural, abrilhantada pelas batucadas das matracas e pandeirões do Boi da Pindoba, um dos maiores e mais tradicionais bumba-meu-boi da cultura maranhense.

Ana Paula Lobato, presidente do Gedema, presente na Marcha, somou-se à luta. “Nós nos juntamos com as margaridas – mulheres indígenas, negras e trabalhadoras do Brasil – para lutarmos por mais justiça, por mais igualdade, por mais democracia e sem violência em nosso país”, disse.

A procurada da Mulher na Assembleia Legislativa, deputada Helena Duailibe, enfatizou a importância de estar presente na ação para mostrar a força da Bancada Maranhense. “Estamos nos ombreando a todos as mulheres para que elas saibam que no Maranhão nós estamos juntas, lutando para que todos os seus direitos sejam cada vez mais respeitados. Estamos aqui para mostrar a força da bancada do Maranhão, para dar força às mulheres, não só do nosso do nosso estado, mas de todo o Brasil”.

Já o deputado Adelmo Soares disse que o ato é uma oportunidade de ouvir as maranhenses. “Vamos continuar lutando em prol do nosso Maranhão, que veio para fazer história, reunindo mulheres lutadoras, que, com muito trabalho, perseverança e fé, lutam por seus direitos, igualdade e justiça. Esse é o nosso caminho, dar voz e vez ao nosso povo para que possamos construir um Maranhão e um Brasil de todos nós”.

Para o deputado Ricardo Rios, o ato é histórico e marca conquistas para as mulheres. “Nossas maranhenses guerreiras, nordestinas, merecem mais respeito, dignidade e nenhum tipo de violência. Estou muito feliz por estar aqui. Parabéns às nossas mulheres”.

Outros agentes políticos maranhenses, que atuam em defesa da mulher, estiverem presentes na Marcha das Margaridas, entre eles, a senadora Eliziane Gama, o deputado federal Bira do Pindaré e a secretária de Estado da Mulher, Ana Mendonça.

 

Um dedo de prosa

   Judith Pacheco, primeira desembargadora do Maranhão

Para dirimir dúvida de um amigo, sobre quem foi a primeira desembargadora do Maranhão, a história é essa: Judith de Oliveira Pacheco foi , juíza de Direito nas Comarcas de Carolina, Tutóia, Icatu, Humberto de Campos, Buriti, Araioses, Bacabal, Pinheiro, Caxias e São Luís.

Foi a primeira Corregedora Regional Eleitoral do Maranhão no período 11/02/1970 a 01/03/1973, ainda no cargo de juíza. Também foi a primeira mulher a ser nomeada desembargadora do Tribunal de Justiça do Maranhão.

Nomeada, por antiguidade, para o cargo de Desembargadora TJ/MA, vago com a aposentadoria do desembargador Aluízio Ribeiro da Silva, conforme Decreto de 29/11/1976, tomou posse e logo requereu aposentadoria, em 30/11/1976.

 

Etelvina Ribeiro Gonçalves foi primeira presidente

Com 38 anos dedicados à magistratura, Etelvina Ribeiro Gonçalves  passou 15 anos como desembargadora, antes de se aposentar. Nesse período exerceu também os cargos corregedora-geral de Justiça (2000-2001) e de presidente do TJ (biênio 2002-2003). Foi a primeira mulher em cargos de comando no Judiciário do Maranhão.

 Início em Icatu

Etelvina Luiza Ribeiro Gonçalves iniciou a carreira de juíza em 1970, na comarca de Icatu. Trabalhou nas comarcas de Santa Inês, Imperatriz e Codó. Em 1990 foi promovida para a capital e, em 1993, para o cargo de desembargadora.

Faltou articulação na questão do Cajueiro

 Que determinação judicial é para ser cumprida, isso não resta a menor dúvida. O governo estadual cumpriu à risca isso quanto à reintegração de posse de parte da área do povoado Cajueiro, em favor de uma empresa chinesa que ali constrói um porto privado. O problema é com relação à falta de articulação política para evitar o desgaste que o governo sofreu.

Um pequeno grupo provocou o maior arranhão na imagem governamental. Mesmo depois de desalojados da porta do Palácio dos Leões, um grupo pegou carona na manifestação do Sindicato dos Professores e conquistou espaço batendo no governo por conta da história da reintegração.

Makarra era servidor da TV Brasil

 O compositor Raimundo João Pinheiro, o Makarra, autor do lendário sucesso Boi de  Lágrimas, era funcionário da TV Brasil. Exímio desenhista, trabalhou com este colunista no extinto Jornal de  Hoje. Lembro-me de uma de nossas conversas, anos atrás, em que ele se mostrava deprimido, por conta da morte de uma filha dele, de apenas 19 anos, vítima de acidente automobilístico.

Makarra faleceu na manhã de hoje, na UTI do Socorrão!. Ele estava naquele hospital desde o dia 13 de julho, quando foi internado por conta de um AVC. Só foi para a UTI após intensa movimentação do vereador Sá Marques. Era integrante da Companhia Barrica e deixa uma artística de valor inestimável.

Câmara Municipal sai no lucro com servidores públicos

Por iniciativa dos vereadores Pavão Filho (PDT) e Sá Marques (PHS), integrantes da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara Municipal de São Luís, os servidores públicos estaduais e municipais do Maranhão que acumulam cargos contrariando a Constituição ganharam mais 90 dias de alívio.

Eles pediram e o Tribunal de Contas acatou pedido deles, para que prorrogassem o prazo, assim como a forma de abordagem em que cada servidor deve ser chamado individualmente para dar suas explicações. Os dois saíram no lucro político.

Vereador já está no xilindró

Com base em pedido feito pela Promotoria de Justiça de Bom Jardim, a Justiça determinou a prisão preventiva do vereador Antônio Gomes da Silva, mais conhecido como Antônio Cezarino. O mandado foi cumprido ainda na terça-feira.

À esposa de Antônio Cezarino, a ex-presidente da Câmara de Vereadores de Bom Jardim Ana Lídia Sousa Costa, conhecida como Ana Cezarino, foram aplicadas outras medidas cautelares: monitoração eletrônica, proibição de se ausentar do município de Bom Jardim sem prévia autorização judicial e obrigação de comparecer em juízo mensalmente para informar e justificar atividades.

 

Justiça suspende concurso de Açailândia

Após pedido do Ministério Público do Maranhão, o Poder Judiciário determinou, nesta segunda-feira, 13, a suspensão do concurso público da Prefeitura de Açailândia devido a uma série de irregularidades na licitação e no edital do certame.

Em caso de descumprimento, foi fixada multa diária no valor de R$ 5 mil. A decisão determina que o prefeito seja citado e também o representante legal da Crescer Consultorias LTDA, empresa vencedora da licitação e que seria responsável pela execução do certame.

Lançado edital para seletivo do MP

O Ministério Público do Maranhão (MPMA) divulgou na tarde desta terça-feira, 13, o Edital para o processo seletivo para admissão e formação de cadastro de reserva de estudantes em estágio não obrigatório de graduação e ensino profissional.

As inscrições podem ser feitas, exclusivamente pelo site do MPMA, no período de 15 a 25 de agosto de 2019. Não será cobrada taxa de inscrição.

Em São Luís, existem vagas de estágio para as áreas de Administração (13), Arquitetura e Urbanismo (2), Biblioteconomia (1), Ciências Contábeis (cadastro reserva), Comunicação Social – Jornalismo (1), Comunicação Social –  Rádio e TV (cadastro reserva), Comunicação Social – Publicidade e Propaganda (1), Comunicação Social – Relações Públicas (3), Enfermagem (1), Engenharia Elétrica (1), História (cadastro reserva), Pedagogia (3), Psicologia (1) e Serviço Social (cadastro reserva).

 

 

 

 

Justiça determina prisão preventiva de vereador da cidade de Bom Jardim

Com base em pedido feito pela Promotoria de Justiça de Bom Jardim, a Justiça determinou a prisão preventiva do vereador Antônio Gomes da Silva, mais conhecido como Antônio Cezarino. O mandado foi cumprido ainda na terça-feira.

À esposa de Antônio Cezarino, a ex-presidente da Câmara de Vereadores de Bom Jardim Ana Lídia Sousa Costa, conhecida como Ana Cezarino, foram aplicadas outras medidas cautelares: monitoração eletrônica, proibição de se ausentar do município de Bom Jardim sem prévia autorização judicial e obrigação de comparecer em juízo mensalmente para informar e justificar atividades.

Ana Cezarino também está proibida de manter contato “com todas as testemunhas e indiciados ou acusados dos procedimentos investigativos ou processos criminais relacionados aos fatos objetos da Ação Penal” que motivou a decisão.

O Ministério Público constatou que os demandados estão tentando atrapalhar processo em que são acusados de desviar R$ 100 mil da Câmara Municipal em dezembro de 2014.

Entenda o caso – No dia 3 de julho, o Juízo de Bom Jardim determinou que Antônio Cezarino cumprisse diversas medidas cautelares para não atrapalhar o andamento do processo em que o casal foi denunciado pelo desvio de recursos do Legislativo Municipal em 2014. Entre as medidas impostas, está a proibição de ter contato com testemunhas.

Após saber das determinações, Antônio Cezarino associou-se criminosamente com sua esposa, Ana Lídia, com o vereador Sinego, com seu motorista Márcio Almeida e com seu amigo Márcio Abdon. O grupo saiu em busca de pessoas para assinarem documentos ideologicamente falsos, nos quais constavam que esses indivíduos teriam recebido valores em dezembro de 2014, época do saque da conta da Câmara de Vereadores.

Os contatos teriam sido feitos pessoalmente, por meio de terceiros e de redes sociais.

Depois de tomar conhecimento dos fatos, a Promotoria de Justiça de Bom Jardim ouviu diversas pessoas, que confirmaram que os réus passaram a procurar ex-servidores da Câmara, pedindo que eles assinassem documentos e recibos referentes a pagamento de salários de dezembro de 2014.

O Ministério Público concluiu que a associação criminosa tem aliciado testemunhas e fabricado documentos ideologicamente falsos, com o nítido intuito de atrapalhar os processos criminais em que são demandados. “Os réus têm utilizado suas funções públicas para obterem informações restritas e exercerem poder intimidatório sobre as testemunhas”, afirmou o promotor Fábio Santos de Oliveira.