Pastor evangélico dá carona a jovem e os dois são executados na Raposa

O pastor evangélico  Erinaldo Feitosa Trajano, morador do Cumbique Raposa e Claudiomar Araujo de Sousa, também do Cumbique Raposa foram alvejados e mortos a tiros, na manhã desta sexta-feira, por ocupantes de um Gol de cor preta e placas não identificadas. O crime ocorreu no bairro Pirâmide.

Segundo o Sargento Cardoso, Erinaldo Feitosa Trajano, 32 anos, pastor da Assembleia de Deus Cristo para Todos, estava indo para o serviço levando Claudiomar na garupa da moto, de placa NMV-4846. Antes de chegarem ao serviço, os dois homens foram surpreendidos pelos integrantes do Gol e alvejados com disparos de pistola 340.

O pastor Erinaldo Feitosa foi socorrido por um carro particular, e  levado para a UPA do Araçagi, mas não resistiu aos ferimentos e morreu antes de chegar ao hospital.

Claudiomar Araujo de Sousa, atingido por 3 balas na altura do peito, foi socorrido por uma ambulância do Samu e levado ao Hospital de Urgência e Emergência Socorrão II, onde morreu.

De acordo com a polícia, Claudiomar era envolvido com o tráfico de drogas, o que pode ter sido a causa do atentado.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*