ELEIÇÕES- ”Fizeram o mesmo com Flávio Dino”, diz Rubens Jr sobre fake news

A boa articulação de Rubens Júnior tem tirado o sono de seus adversários

 

Com boa articulação política e candidatura com enorme potencial de crescimento, o pré-candidato a prefeito de São Luís, Rubens Júnior (PCdoB) tem incomodado os adversários.

A mais recente especulação infundada espalhada foi a da desistência da sua candidatura. Informação baseada apenas no desejo dos adversários de não tê-lo na disputa.

Sobre isso, o pré-candidato se pronunciou no Twitter “o que a cidade precisa é menos fake news e mais debate sobre o seu futuro”.

Ele também relembrou que agiram do mesmo modo com Flávio Dino na disputa ao governo do Estado. “Fizeram tudo isso contra Flávio Dino: inventaram mentiras, distorceram pesquisas, mas nada surtiu efeito. A aliança é com o povo minha gente. Aprendam. Nos próximos 100 dias para as eleições vamos debater 100 propostas que temos para São Luís”, rebateu Rubens.

Como disse em recente publicação pelas redes sociais, o deputado federal e coordenador da campanha de Rubens na disputa à Prefeitura de São Luís, Márcio Jerry (PCdoB), a candidatura de Rubens Júnior “é pra valer, é pra vencer!”.

“Rubens é o candidato pra valer e pra vencer, para fazer muito mais por nossa querida Ilha do Amor, nossa Ilha Rebelde. Nosso partido tem relevância, uma militância engajada, uma grande bancada de vereadores, e com os movimentos sociais, profissionais da saúde, intelectuais e profissionais liberais, construiremos o programa de governo para disputarmos as eleições com qualidade, com força e muito diálogo, para pavimentar o caminho que levará Rubens Júnior ao Palácio de La Ravardière”, destaca Jerry.

A verdade é que o representante do PCdoB, como tudo indica, receberá o aval do PT neste final de semana, e vai reunir em seu palanque PCdoB, PT, PP, Cidadania, Democracia Cristã e PMB, se constituindo na maior aliança na corrida ao Palácio de La Raverdiére. E isto claramente incomoda os adversários

Justiça libera 849 presidiários no Maranhão para o Dia dos Pais

Mesmo em meio a pandemia da Covid-19, a Justiça autorizou a saída temporária de Dia dos Pais para 849 presos no Maranhão. A decisão é do juiz Márcio Castro Brandão, da 1ª Vara de Execuções Penais da Comarca da Ilha de São Luís.

Os presos foram autorizados a sair às 9h da quarta-feira (5), devendo retornar às unidades prisionais até as 18h da próxima terça-feira (11). Durante o período, eles não podem frequentar festas, bares e similares, entre outras determinações.

Segundo a determinação da Justiça, os 849 presos podem sair das unidades prisionais para a visita aos seus familiares por possuírem, por exemplo, comportamento adequado e cumprimento mínimo de 1/6 da pena, que fazem parte do artigo 123 da Lei de Execuções Penais.

Caixa abre 23 agências no Maranhão neste sábado (8) para pagamento do Auxílio Emergencial e do FGTS

 

Na Região Metropolitana, haverá cinco agências abertas em São Luís, uma agência na cidade de São José de Ribamar e outra em Paço do Lumiar.

Por G1 MA

 

 

Caixa Econômica abre 26 agências no Maranhão neste sábado (23), para pagamento do auxílio emergencial. — Foto: Rafaelle Fróes/G1 MA.

Neste sábado (8), a Caixa Econômica Federal (CEF) vai abrir 23 agências no Maranhão, das 8h às 12h, para atendimento aos beneficiários do Auxílio Emergencial e do Saque Emergencial do FGTS. Em todo o país, 770 agências estarão abertas.

Na Região Metropolitana, haverá cinco agências abertas em São Luís, uma agência na cidade de São José de Ribamar e outra em Paço do Lumiar.

Veja quais são as 23 agências da Caixa que estarão abertas no Maranhão

Conforme o calendário, poderão realizar o saque em espécie do Auxílio Emergencial as pessoas nascidas de janeiro a abril. Já os trabalhadores nascidos em janeiro e fevereiro poderão sacar o FGTS Emergencial, seguindo o calendário criado para evitar aglomerações em agências e unidades lotéricas.

 

Buraco na estrada provoca capotamento e morte de três pessoas em Barreirinhas

Três pessoas morreram e seis ficaram feridas em um acidente com um veículo que transportava passageiros na BR-402, a poucos quilômetros da cidade de Barreirinhas, na região dos Lençóis maranhenses, nordeste do Maranhão.

Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), por volta das 7h desta quinta-feira (6), uma caminhonete Toyota Hilux, de cor branca, capotou na pista e colidiu com uma placa de sinalização.

O veículo transportava passageiros na carroceria, e o motorista alegou que perdeu o controle do veículo após se desviar de um buraco.

O motorista relatou que ele trafegava da localidade Cedro, povoado pertencente à Humberto de Campos para a cidade de Barreirinhas, transportando oito pessoas que viajavam para sacar dinheiro nos bancos da cidade.

Quatro passageiros estavam na cabine do veículo e as outras quatro na parte de fora. Ainda segundo o condutor, durante o trajeto surgiram alguns buracos na pista. Quando tentou se desviar de um deles, perdeu o controle do veículo, que deu duas capotadas e só parou quando bateu em uma das hastes de sustentação de uma placa de sinalização, que caiu e fechou quase totalmente a via.

 

As vítimas

Ainda de acordo com a PRF, após o acidente alguns passageiros ficaram estendidos no asfalto, sendo a maioria retirada para o acostamento. Dois deles permanecerem na faixa de rolamento até a chegada do socorro.

Uma das vítimas morreu no local e outras duas morreram no hospital de Barreirinhas. Dois ocupantes ficaram gravemente feridos e outros quatro tiveram ferimentos leves, os quais fizeram procedimentos no hospital e foram liberados.

Pesquisa  do PoderData mostra liderança de Bolsonaro com 38%; Flávio Dino pontua com 3%  

Primeira pesquisa PoderData mostra liderança de Jair Bolsonaro com 38% de intenção de voto para presidente da República.

 

O governador Flávio Dino aparece melhor posicionado que nas outras pesquisas e já tem 3%.

A pesquisa foi realizada pelo PoderData, divisão de estudos estatísticos do Poder360. Os dados foram coletados de 3 a 5 de agosto, por meio de ligações para celulares e telefones fixos. Foram 2.500 entrevistas em 512 municípios, nas 27 unidades da Federação. A margem de erro é de 2 pontos percentuais. Saiba mais sobre a metodologia lendo este texto.

Antes, a divisão de pesquisas do jornal digital chamava-se DataPoder360. Agora, o nome mudou para PoderData.

Hospital de campanha em Santa Inês será transformado em Policlínica após pleito de Othelino e Felipe dos Pneus

O presidente da Assembleia Legislativa do Maranhão, deputado Othelino Neto (PCdoB) e o deputado Felipe dos Pneus (Republicanos), em reunião hoje com o secretário de Estado da Saúde (SES), Carlos Lula, receberam a confirmação de que o Hospital de Campanha montado em Santa Inês para o atendimento de pacientes da Covid-19 será transformado em Policlínica. O pedido foi feito pelo chefe do Parlamento maranhense ao governador Flávio Dino, reforçando a demanda apresentada pelo deputado Felipe.

O Hospital de Campanha foi instalado em Santa Inês no dia 2 de junho e teve as atividades encerradas no dia 31 julho. A estrutura será adaptada para receber a Policlínica, com previsão de entrega no mês de setembro. A unidade funcionará de forma complementar aos serviços ofertados pelo Hospital Macrorregional “Dr. Tomás Martins”.

Othelino afirmou que esse é, certamente, um momento marcante para a população de Santa Inês, além de ser uma conquista que beneficiará, também, as cidades vizinhas. “Agradeço ao governador Flávio Dino e ao secretário Carlos Lula por terem atendido a essa demanda da população, que chegou através do deputado Felipe dos Pneus, que vem utilizando o seu mandato para levar benefícios para a cidade. É mais um avanço na saúde pública do Maranhão, em especial, da querida cidade de Santa Inês”, destacou.

Benefícios

Com o modelo de policlínicas, os usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) são beneficiados com diversas especialidades, como Neurologia, Cardiologia, Otorrinolaringologia, Endocrinologia, Ortopedia, Clínica Geral, Pediatria, Ginecologia, entre outras. O deputado Felipe dos Pneus ressaltou que esse era um anseio antigo da população de Santa Inês.

 

“Quero agradecer ao governador Flávio Dino, ao secretário Carlos Lula e ao presidente Othelino, por sempre ser atencioso com as nossas demandas da cidade de Santa Inês. Em nome do município, agradecemos essa estrutura, que é um anseio muito antigo da nossa cidade e, com certeza, beneficiará toda a região”, completou Felipe dos Pneus.

O secretário Carlos Lula assinalou que as policlínicas são locais de referência em atendimento ambulatorial, além da realização de consultas e exames, em diversas especialidades, gratuitamente. O titular da SES disse, ainda, que, a partir do pleito apresentado pelo deputado Felipe dos Pneus na sessão plenária da semana passada, o presidente Othelino Neto entrou em contato com o governador Flávio Dino para viabilizar a melhor forma de atender às necessidades da região.

“Foi uma demanda atendida a partir de um diálogo importantíssimo. Após o pronunciamento do  deputado Felipe dos Pneus, de imediato tivemos a ligação do deputado Othelino, pedindo que víssemos as condições desse pleito ser atendido. Agora, a cidade de Santa Inês passa a ter mais um serviço de saúde, concretizando um sonho da população e, mais do que isso, permitindo o acesso à saúde com mais qualidade”, concluiu

Agenda extensa de Rubens debate problema dos bairros, categorias e projetos sociais

O deputado federal licenciado e pré candidato a prefeito de São Luís -Rubens Jr(PCdoB) tem cumprindo uma extensa agenda de atividades nos quatro cantos da Grande São Luís. Na quarta feira(05), Rubens esteve reunido com o pré candidato a vereador Rommeo Amim, ao lado de Nastier Franco e a professora Concita.

Em seguida o bate papo foi com Ronaldo Santos Baldez e Wagner Silva  bem como com lideranças da região Itaqui Bacanga, a fim de debater melhorias para o eixo, um dos mais populosos de São Luís.

Por intermédio do correligionário Marinho da Aurora, a situação sobre os projetos da Usina de Reciclagem de Resíduo Sólidos e projeto social Taxi Solidario foram levados ao conhecimento do pré candidato. Julio César * e *Conceicao Belfortt estiveram apresentando o projeto da usina, enquanto o taxista Junior Costa esmiuçou o que seria o projeto voltado aos profissionais do volante.

Para Rubens, esses encontros o aproximavam não apenas do cidadão, mas, também, de alguns seguimentos e categorias que merecem uma atenção diferenciada, por conta do trabalho social que desenvolvem. “Tenho aprendido muito no corpo a corpo. Ouvir à comunidade é primordial para a realização de uma gestão exitosa, pois é através do diálogo, seja nos bairros, na nossa plataforma virtual ou, ainda, em reuniões com representantes de entidades e categorias que poderemos sentir o que a população realmente necessita”, afirmou.

Pedro Lucas anuncia apoio do PTB a Neto Evangelista em São Luís

O deputado Neto Evangelista, pré-candidato do DEM à Prefeitura de São Luís, foi o escolhido do PTB. O anúncio foi feito nesta quarta-feira (5), pelo deputado federal, Pedro Lucas, presidente estadual da sigla.

Neto Evangelista que já tem o apoio do PDT e PSL, agora com o PTB, reforça mais arco de alianças partidárias que está construindo. Ele agradeceu o apoio e disse está honrado pela escolha do PTB à sua pré-candidatura.

“Fico muito grato e honrado pela declaração de apoio de um partido que tem uma expressiva história de lutas por São Luís. Pedro Luca vamos caminhar juntos!”, agradeceu Neto Evangelista.

Pedro Lucas destacou que o PTB acredita no projeto de Neto Evangelista para São Luís, por isso o escolheu caminhar junto com ele na disputa na capital.

O PTB caminha a partir de agora com o pré-candidato a prefeito Neto Evangelista, por acreditar no seu projeto para São Luís. Vamos Juntos, lado a lado, construir o futuro de nossa cidade”, disse Pedro Lucas.

 

Maranhenses que trabalhavam como escravos são resgatados em Santa Catarina

Nove trabalhadores foram resgatados de uma plantação de cebola, na cidade de Ituporanga, em Santa Catarina, em situação análoga à escravidão. Cinco deles são da cidade de Timbiras, no interior do Maranhão, e estavam em alojamentos em situação precária de higiene e sem nenhum registro trabalhista.

O resgate foi durante uma operação do Ministério Público do Trabalho, Polícia Federal e Defensoria Pública da União.

Em um vídeo, o registro das condições em que viviam os trabalhadores. Alojamentos e local para as refeições sujos e com pouca estrutura. Mesmo no período de frio, os colchões onde dormiam ficavam no chão e as instalações elétricas eram precárias.

O local fica em Ituporanga, Santa Catarina, em uma plantação de cebola. Nenhum dos nove trabalhadores encontrados tinha registro na Carteira de Trabalho. Entre eles, cinco foram aliciados na cidade maranhense de Timbiras.

Segundo o Ministério Público do Trabalho, pagaram pela viagem de seis dias até o sul do país e ao chegarem na cidade tiveram que fazer compras e adquirir dívidas, que depois precisam ser pagas por eles – o que é proibido por lei.

Os trabalhadores foram resgatados, e o valor das verbas salariais e rescisórias pagas foi de aproximadamente R$ 90 mil.

“A situação deles terem vindo de Timbiras, no Maranhão, para essa região já foi bem complicada. Eles tiveram que pagar pela viagem, R$ 50 cada um. E, diante de falsas promessas, passaram seis dias viajando, uma viagem muito difícil e ainda seria descontado o valor da passagem, no valor de R$ 530, ao término do trabalho deles no plantio da cebola, que também não foi explicado quantos dias duraria”, relatou Cláudio Secchin, que é auditor fiscal do trabalho.

Segundo o auditor, 46 trabalhadores chegaram na cidade de Ituporanga, onde há o cultivo da cebola, e lá foram sendo distribuídos para os empregadores da região.

“Era cada um pedindo o seu quantitativo. ‘Onde é que está os meus 10 trabalhadores’, ‘cadê os meus cincos’, ‘cadê os meus 15 trabalhadores’. E assim foram sendo distribuídos por cada agricultor que precisava da força de trabalho deles para o plantio da cebola. Então, é uma situação muito difícil”, destacou Cláudio Secchin.

Ainda de acordo com o auditor, os trabalhadores foram aliciados através do anúncio fraudulento de carro de som e, depois, passaram por um processo de endividamento.

A operação do Ministério Público do Trabalho, da Polícia Federal e Defensoria Pública da União teve início no dia 27 de julho deste ano.

Trabalho escravo no Brasil

Os dados do MPT mostram que, nos últimos 15 anos, foram resgatados 45.028 trabalhadores de situações análogas à escravidão em todo o país.

Por trás dos números e estatísticas, há pessoas que tiveram seus planos interrompidos, acreditando em uma falsa promessa de emprego e que, levadas de suas casas para outros locais, se deparam com uma realidade totalmente diferente daquelas que haviam planejado.

“O Maranhão é o maior exportador de mão de obra escrava do Brasil, então é um problema que nós já estamos enfrentando há algum tempo. A maioria desses trabalhadores resgatados tem um nível de educação muito baixo. Ou são analfabetos ou não tem o ensino fundamental. Então, o grau de instrução é muito baixo. A maioria deles trabalhou na infância, então houve falha no momento em que nós permitimos que esse trabalhador trabalhasse antes do momento adequado, o que afetou a educação desse trabalhador”, destaca procurador-chefe do MPT-MA, Maurel Mamede Selares.

De acordo com o procurador, o trabalhador é aliciado de um estado para o outro porque no estado em que ele estava não foi dada a devida condição para que ele permanecesse lá.

“Ou seja, não houve emprego para ele ou não houve terra para ele cultivar. Então é uma série de erros de que culminam com o trabalhador aliciado e depois no trabalho escravo”, afirmou Maurel Mamede Selares.

O procurador destaca que esse crime precisa ser combatido e denunciado sempre.

“É um crime que você normalmente descobre mediante a denúncia. Às vezes mediante fiscalizações de rotina. Mas em um país tão grande, com tanta área rural, muitas vezes em uma fiscalização de rotina você não encontra esse trabalhador escravizado. Quase sempre é mediante denúncia. Então, a denúncia faz parte do processo de resgate desse trabalhador. O trabalhador tem que fazer a denúncia”.

Maurel Mamede ressalta que mesmo o trabalhador não sabendo se está sendo submetido ao trabalho escravo ou não, ele deve fazer a denúncia

“Tem os profissionais competentes do MPT, da Superintendência do Trabalho , do MPE, da polícia mesmo, do sindicato, que vão analisar a situação e verificar se realmente houve esse trabalho análogo ao de escravo, que é um crime muito sério, principalmente o tráfico de pessoas. Pois há uma venda de pessoas. É um crime que deve ser reprimido de qualquer forma”, disse o procurador-chefe do MPT-MA.

 

PF desmonta esquema fraudulento de compra de respiradores em Bacabeira, Santa Rita e Miranda do Norte. Três foram presos

A Polícia Federal (PF) informou, em coletiva realizada nesta quarta-feira (5), que há indícios de superfaturamento de até 400% na compra de macacões que seriam usados por agentes de saúde no enfrentamento da Covid-19 nas cidades de Bacabeira, Miranda do Norte e Santa Rita, no interior do Maranhão.

A informação foi dada pela superintendente da PF no Maranhão, Cassandra Parazzi, após a ‘Operação Falsa Esperança’, que investiga indícios de superfaturamento de equipamentos de proteção individuais (EPIs) e respiradores pulmonares, deflagada nesta quarta. Os produtos foram comprados com dinheiro público federal destinado para o enfrentamento da doença.

“No curso das investigações a gente demonstrou que a empresa vendeu uma série de produtos que não tinha no lastro de compra dela. Ou seja, há um indício de que essa venda não chegou a ser concretizada, que o produto não tenha sido entregue, causando um prejuízo muito grave. Além do desvio de recursos públicos e para o tratamento da Covid-19, que é muito mais grave”, disse.

 

A PF aponta que podem ter sido desviados cerca de R$ 310 mil reais na aquisição de quatro respiradores pulmonares para os três municípios. Os equipamentos foram comprados pelas três prefeituras em uma mesma empresa, localizada em Paço do Lumiar na Região Metropolitana de São Luís.

Segundo a PF, em Miranda do Norte, dois aparelhos no valor total de R$ 130 mil foram comprados, mas nunca foram recebidos. A empresa paga pelas prefeituras tinha 69 atividades secundárias, que variavam desde a confecção de vestuário, segurança privada e até produção musical.

Prisões

Dos quatro mandados de prisão expedidos, três foram cumpridos pela PF. Dentre os presos, estão os secretários municipais de Saúde de Miranda do Norte e Bacabeira. Além deles, também foi preso o dono da empresa suspeita de participar da venda dos produtos no esquema de fraude de licitações.

A PF informou que o secretário de administração da cidade de Santa Rita está foragido. As investigações vão continuar para verificar se outras prefeituras ou empresas estão envolvidas no esquema.

 

De acordo com a PF, se confirmadas as suspeitas, os investigados responderão pelos crimes de peculato, falsidade ideológica, fraude em processo licitatório, superfaturamento na venda de bens e associação criminosa.

Citadas nas investigações, o G1 enviou mensagem pedindo um posicionamento das prefeituras de Bacabeira, Santa Rita e Miranda do Norte, além da Ecosolar, mas ainda não houve retorno até a última atualização desta reportagem.

Operação

Denominada “Falsa Esperança”, a operação investiga indícios de superfaturamento de equipamentos de proteção individuais (EPI’s), além de simulação na compra de respiradores pulmonares. Segundo a Polícia Federal, os aparelhos nunca foram entregues, apesar do pagamento antecipado pelas prefeituras de Bacabeira, Santa Rita e Miranda do Norte.

Todas as aquisições foram realizadas com uma única empresa, a Ecosolar, sediada em Paço do Lumiar e que nunca havia atuado no ramo médico hospitalar. A investigação aponta ainda que a empresa não tinha nenhum empregado e atuava com a comercialização de acessórios para instalação de aparelhos de ar-condicionado e de energia solar.