Sérgio Frota demite todos os funcionários do gabinete após a derrota

Os dias, pós-derrota na eleição, não foram nada bons para quem trabalha com o deputado estadual Sérgio Frota (PR). O parlamentar anunciou a exoneração por completo do seu gabinete na Assembleia Legislativa, anunciou a redução de gastos com o Sampaio Corrêa e ainda culpou Josimar de Maranhãozinho (PR), pelo seu péssimo desempenho nas urnas.

Sergio Frota quer aproveitar seus últimos meses como deputado estadual – novembro, dezembro e janeiro – para acumular um pouco de dinheiro e pagar as dívidas de campanha, por isso as demissões e os cortes no Sampaio.

Já em relação a Josimar de Maranhãozinho, Sérgio Frota se sentiu traído, pois ele foi ao PR a convite do presidente e com a promessa de uma boa votação. Em retribuição a oferta, o presidente do Sampaio o colocou como vice-presidente do clube.

Porém, o resultado foi uma votação expressiva de Detinha com 88 mil votos, Helio Soares com 39 mil votos e Vinicius Louro com 38 mil. Os três foram eleitos, Sérgio Frota ficou atrás de Belezinha que teve mais de 28 mil votos. Com os 23 mil votos recebidos, o presidente do Sampaio ficou apenas na 9ª suplência, sem chances de assumir o mandato.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*