Bêbados, jogadores da seleção brasileira de Futsal obrigam hóspede a se jogar do segundo andar do Hotel Praiamar

Elias Leita, perseguido e quase morto pelos jogadores da seleção brasileira

 

Jogadores de seleção brasileira de Futsal que fizeram bonito em quadra, na manhã de domingo, vencendo a seleção Maranhense por 6×4, tropeçaram na bebida e fizeram feio, na madrugada de segunda-feira, no hotel Praiamar, onde perseguiram e obrigaram o hóspede Elias Silva Leite de 18 anos a se jogar do segundo andar.

Eles começaram a beber logo depois da partida e, após chegarem ao hotel, houve uma divisão. Uma pequena parte do grupo preferiu ficar descansando, enquanto outros decidiram ir para uma festa de reggae ao lado do Praiamar.

Eram exatamente 2 horas da madrugada, quando os jogadores, embriagado, encontraram com  Elias na recepção e passaram a provocá-lo. Com medo, ele subiu as escadarias, sendo perseguido pelos atletas, que ameaçavam espancá-lo, sem nenhum motivo justificado.

Elies pediu por socorro mas não foi atendido  por ninguém, tendo pelo menos quatro dos atletas em seu encalço, dizendo que iriam moê-lo de pancada. Sem outra alternativa, ele acabou por se jogar do segundo andar, machucando o joelho e as pernas.

                   OMISSÃO POLICIAL

Mesmo machucado, ele correu até um prédio ao lado, onde foi socorrido por dois senhores, que o aconselharam a procurar a polícia. Uma viatura foi vista a dois quarteirões, onde ocorrera um acidente de trênsito. Ele procurou os policiais, que sugeriram que ele procurasse um advogado para buscar uma indenização.

Mesmo assim Elias foi no plantão da Reffsa, onde lhe disseram que não havia delegado e nem material de expediente para que pudesse registrar a ocorrência. Traumatizado e temendo outras agressões, ele retornou ao hotel, onde se encontra desde o dia 16 desde mês.

Natural de  Imperatriz, Elias está em São Luís fazendo estágio numa multinacional e disse ao blogueiro que desde o incidente, não consegue dormir direito.

-Moço, estou tendo febre e não durmo. Sou trabalhador e a direção  hotel ao invés de me ajudar, fica é dizendo para que dê o caso por encerrado. Não farei isso de jeito nenhum, porque fui humilhado e quase perco a vida por causa desses jogadores irresponsáveis, que, pelo aspecto, deveriam está drogados. Vou procurar meus direitos na Justiça- disse Elias Leite.

O jornalista tentou entrar em contato com a gerência do hotel, mas foi informado de que ele ainda não havia chegado. Isso às 14 horas de ontem.

 

 

 

2 pensou em “Bêbados, jogadores da seleção brasileira de Futsal obrigam hóspede a se jogar do segundo andar do Hotel Praiamar

  1. Tomara que ele consiga um advogado pra resolver isso. Ouvi o relato dele na rádio e pela voz dele dá pra perceber que ele é uma pessoa boa. Essa polícia do MA nao serve pra nada só sabem eh cobrar propina.

  2. DJALMA, VAMOS BOTAR UMA MATERIA SOBRE O “FLAVIO DINO”, O NOSSO PREFEITO DE SÃO LUIS-2012, TODOS QUE OLHAM O SEU BLOG, TA ESPERANDO UMA MATERIA SOBRE O FLAVIO DINO, FUTURO PREFEITO DE SÃO LUIS-2012.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.