Deputado Zé Carlos renuncia como pré-candidato a prefeito

Zé Carlos da Caixa

 “Quando me dispus a enfrentar o desafio da pré-candidatura, o fiz movido pela esperança de que nosso nome pudesse humildemente construir uma sólida aliança interna; o fiz por acreditar que o mandato parlamentar exercido goza e desfruta da confiança do povo; o fiz por estar dentro do perfil cobrado pelo cidadão ludovicense”, declarou o deputado Zé Carlos do PT, em sua carta ao Diretório Municipal de São Luís.

 

No último sábado (28/01), o Partido dos Trabalhadores decidiu que não haverá prévia para definição do futuro candidato a prefeito da capital. A decisão quanto ao nome da candidatura será através de Encontro, com a participação dos delegados.  No sábado, quando da reunião do Diretório Municipal, Zé Carlos declinou oficialmente da sua intenção de disponibilizar seu nome para disputa interna, que definirá a candidatura do PT a prefeito de São Luís.

 Ele explicou que o objetivo de colocar o seu mandato à disposição do PT era o de justamente unificar uma candidatura, ou seja, deveria ocorrer a anuência de duas postulações em favor de um só nome. “Como não há um movimento nesta direção, por parte dos companheiros Bira e Washington, declinei eu, liberando os companheiros de partido que defendiam seu nome para tomarem o caminho que acharem mais acertado e coerente com suas relações políticas internas e a pregação que cada um faz na sociedade”, conclui Zé Carlos.

 Em sua opinião, a cidade reclama por um gestor público que possua, ao mesmo tempo, sensibilidade social, experiência e competência de gestão comprovada. Ele também afirmou que, independentemente do nome definido em encontro do partido que será realizado provavelmente em março, estará na campanha do candidato petista à Prefeitura de São Luís. “Em nenhum momento me dispus a provocar cisma ou dissenso”, enfatizou o deputado Zé Carlos: “Qualquer um dos dois, Bira ou Washington, em sendo candidato do PT, será o meu candidato”.

 Sobre o apoio dos companheiros à sua pré-candidatura, o parlamentar externou o seu agradecimento aos que estimularam a postulação e construíram a possibilidade: “Agradeço aos companheiros da CNB – Joab Jeremias, Secretário de Comunicação do DE; dos dirigentes Mundico e Virna Teixeira, Márcio Brito, Oziel Leite, Luciana Gomes, Ronaldo Pereira e César Campos; do vice-presidente do PT Estadual Augusto Lobato e dos companheiros da Mensagem ao Partido. Ao companheiro Monteiro, presidente do PT Estadual, e ao coletivo sempre PT, que até o surgimento da candidatura de Washington, eram entusiastas do meu nome”, destacou.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*