Oficial e soldado da PM presos por envolvimento no assassinato de colegas

O secretário de Segurança, Jefferson Portela reunirá a imprensa às 10 horas da manhã desta quarta-feira, para anunciar a prisão de um tenente e um soldado da Polícia Militar, como envolvidos na morte dos militares Carlos Alberto Constantino Sousa e Júlio César da Luz Pereira, lotados em Buriticupu.

Os dois estão desaparecidos desde o dia 17 de novembro do ano passado e até agora, a polícia ainda não havia emitido qualquer sinal sobre a causa do sumiço dos dois. A filha de um dos desaparecidos afirma que a PM estava tentando considerar  os dois como desertores, desligando-os do serviço público, evitando, desta forma arcar com as pensões aos seus respectivos dependentes.

O que se sabe é que a delegada Nilmar da Gama conseguiu desvendar o caso, entregando todo o relatório aos seus superiores, sendo que o secretário de Segurança confirmou, para as 10 horas de hoje a coletiva para explicar todo o epiasódio.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*