Autor de tiros que mataram crianças em Santa Inês está foragido

O autor dos disparos que mataram duas crianças em Santa Inês, na noite de segunda-feira (22), está foragido. O suspeito foi identificado como Daniel Cutrim Lima, de 28 anos.

Outros três envolvidos no caso estão presos. Leandro Santos Rodrigues era quem dirigia o carro e estava com o atirador foi preso horas depois do crime. Ele já tinha comprado passagem para sair da cidade.

O outro preso é Raimundo Warlison de Sousa Félix, de 19 anos, que era alvo do atirador. Ele foi preso porque no dia após o crime estava circulando pelo bairro portando uma arma de fogo. Ele ainda utilizava tornozeleira eletrônica e estava em liberdade condicional.

Segundo as investigações, a intenção dos suspeitos era matar Raimundo Warlison com quem Leandro pretendia acertar uma conta. O irmão de Leandro, Lailton Santos foi presos suspeito de fornecer munição.

Porém, os tiros atingiram duas crianças, que brincavam na praça cantor Evaldo Cardoso, no bairro Vila Adelaide Cabral, em Santa Inês. As vítimas foram Jhoniel Ribeiro Rodrigues, de sete anos e Vitor Gabriel Rodrigues Barros, de oito. Um adolescente, de 17 anos, também foi baleado na mão.

Os garotos chegaram a ser socorridos mas não resistiram. Um morreu a caminho do hospital, e o outro na sala de cirurgia. O corpo de Jhoniel Ribeiro foi enterrado na tarde dessa terça-feira (23), em um cemitério no povoado Lajes, em Pindaré-Mirim. Já o corpo de Vitor Gabriel foi levado para São Luís.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.