Recados para ela

 

Olá, minha fofa, muito bom dia! Estou aqui mais uma vez, Bibi, após umas merecidas férias. Como na volta do boêmio de Nelson Gonçalves, estou a pedir a mais nova inscrição, principalmente depois das eleições, em que se viu de um tudo aqui na terra de Gonçalves Dias. Desde o fracassado consórcio do governador Flávio Dino, o que lhe tira, no momento, a possibilidade de uma projeção nacional, até a história de um vereador da Casa de Simão Estácio da Silveira, que reeleito, imaginou ser o futuro presidente do Poder Legislativo Municipal.

No seu sonho presidencial, pensou em vários detalhes, até mesmo uma residência digna de um presidente dessa augusta Casa. Por conta disso, foi até à mansão de um veterano e conhecido causídico, na área do Jardim Eldorado e lhe fez a proposta:

-Doutor, o senhor não quer vender a casa? É que serei o próximo presidente da Câmara e quero me mudar para uma casa digna do ocupante de um cargo como esse.

O advogado retrucou que até poderia vender a mansão, mas que esse não era o momento adequado. Diante de tal resposta, procurou o ocupante de um quase poder, que tinha uma bonita mansão no Turu. Mas esse informou que já havia vendido o imóvel.

O dito cujo cofiou a espessa barba, voltou para  casa e depois se alinhou ao grupo do presidente Osmar Filho, que já tem votos suficientes para garantir a reeleição. Essa é boa Bibi de Deus.

Falando nisso, Bibi, na próxima terça-feira estará completando 55 anos de tua partida celestial. Jamais esquecerei, essa dramática data. Um cenário triste se desenha no meu pensamento sempre que se aproxima o fatídico 8 de dezembro.

Certa vez me convidaram para a festa da padroeira, mas me contive e relatei a realidade, afirmando que não poderia participar de festividade exatamente na data da viagem aos céus da minha mãe querida.

São lembranças que passam como um vídeo da vida, com muita frequência na minha mente. Tinha 7 anos e lá vem a cena.  Estava lendo pra ti o Jornal Pequeno, que trazia como manchete, a morte do prefeito de São José de Ribamar, José Silva, vítima de um acidente automobilístico na Forquilha. Passas mal e manda chamar o Hilário no quintal. Começa o sufoco. És levada de táxi para a Santa Casa de Misericórdia, ao meio dia. Às 17, a mais triste notícia que um garoto ou qualquer pessoa pode receber. “Tua mãe faleceu”!

Começa, a partir daí a história de um garoto que, aos 7 anos perde a mãe e que não conheceu o pai biológico. O resto é uma história que contarei depois, com mais detalhes, até chegar ao jornalismo, virar pai de família, com cinco filhos e já avô de quatro lindos netos. Mas vamos pra frente.

*

Ah, Bibi, o prefeito de São José de Ribamar, o Eudes Sampaio, denunciou que estava sendo vítima de ameaças de morte por parte de um grupo de agiotas, que queriam 30% de propina referente a recursos da Saúde. A Polícia Federal prendeu três deles.

*

Peraí, paraí, Bibi! Tem caroço nesse angu. Como é que agiota vai ligar pra prefeito e dizer que quer tanto por conta de liberação de recursos seja ele da saúde, da educação ou de qualquer outra área. Isso foi assim, sem mais nem menos. Essa história tá um pouco recambolesca na minha humilde opinião, como diz o ex-vereador José Joaquim.

*

Foram presos o conhecido agiota Josival Cavalcante da Silva, o Pacovan, o vereador de Itapecuru-Mirim, Abraão Nunes Martins (PDT) e o ex-prefeito de Água Doce do Maranhão, Antonio José Silva Rocha (PDT).

*

As informações são de que existem um senador e um deputado federal envolvido nesse rolo. A cobra vai fumar. E já tem lobista foragido por conta disso. Gente envolvida só com figurões da política local.

*

Tomara Bibi, que não se passe uma borracha nessa história. Neste sábado, tomei conhecimento de que tem lideranças políticas de diversos  naipes comprometidas nesse rolo, que certamente deverá ilustrar o noticiário político/policial nacional dentro de pouco tempo.

*

A ex-prefeita de Penalva, a amiga Derze Barros está sorrindo com as paredes.  Isso pelo nascimento de suas bisnetas, as gêmeas Ariella e Gabriella Azevedo Barros Ribeiro.

*

As duas pimpolhas, nasceram no dia primeiro de novembro, em São Luís, no Hospital Universitário Materno Infantil. Os pais são Pablo Sabino Barros Ribeiro, neto da matriarca e Renata Kelly Ribeiro.  São duas fofuras e a coluna teve acesso às fotos de Derze com as duas gracinhas. Parabéns a toda a família.

*

Uma equipe de estudantes de Comunicação da UFMA está fazendo um excelente documentário sobre a política do Estado, focando sobre os efeitos da ditadura militar no Maranhão.

*

Este colunista foi entrevistado e abriu um canal para os alunos entrevistarem Benedito Buzar, e as ex-prefeitas Gardênia Ribeiro Gonçalves e Conceição Andrade.

*

Falando em Conceição Andrade, pouca gente sabe que ela abdicou da carreira de juíza federal pela política. No período em que se elegeu deputada estadual, havia sido aprovada no concurso para a Magistratura. Preferiu a política e sua carreira foi curta.

*

Enquanto isso, seus ex-colegas Benedito Coroba e Juarez Medeiros preferiram o Ministério Público. Ambos já estão aposentados como promotores e José Costa foi aprovado para o concurso de juiz estadual.

*

A rapaziada alinhada ao senador Weverton Rocha passou parte da semana vinculando os deputados Josimar de Maranhãozinho e Gildenemyr na história dos agiotas que ameaçaram o prefeito Eudes Sampaio de Morte.

*

Aí, repentinamente, a Polícia Federal apresenta um vereador e um ex-prefeito, como principais envolvidos. Ambos do PDT. A turma mergulhou num silêncio sepulcral.

*

O prefeito eleito de Raposa, Eudes Barros, ainda não divulgou a relação de seus secretários. Sabe-se apenas que a pasta da Saúde será conduzida por uma pessoa aliada do deputado Josimar de Maranhãozinho.

*

Bem, minha fofa, com essa, teu pretinho vai ficando por aqui, garantindo retorno no próximo domingo, se Deus quiser. E ele quer, porque sempre foi bacana com esse tem pimpolho.

*

Beijão desse filhote que jamais deixará de te amar.

Djalma

N.E- Bibi é Benedita Rodrigues, mãe do editor. Ela faleceu em São Luís, na Santa Casa de misericórdia, em 8 de dezembro de 1965.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.