Recados para ela

Olá, minha fofa, muito bom dia! Espero que estas poucas e mal traçadas venham a encontra-la na santa paz  aí, ao lado do Criador. Por estas bandas, cidadã, a situação está periclitante. O aumento  no número de casos do Covid é vertiginoso em todo País, no Maranhão, por exemplo, houve um salto preocupante. Na sexta-feira, por exemplo, foram registradas 39 mortes. E olha que nas semanas anteriores, estavam morrendo menos de 10 pessoas ao dia .

Para completar a situação, a ocupação de leitos na rede hospitalar está em torno de 90% na Ilha, sendo que não há mais vagas para atender aos doentes pelo coronavírus na rede privada. Um sufoco danado. Isso levou o governador Flávio Dino a adotar medidas restritivas durante a semana, pelo prazo de 10 dias.

Sei não, mas pelo que tô observando tais medidas não foram lá muito restritivas. O comércio abre  às 9h e fecha às 21h. Supermercados e outros tipos de comércio abrem normalmente às 6h. O problema é com bares restaurantes e exibições artísticas. Mas do resto… Bem, cidadã, vamos agora às mais importantes da semana.

*

Blogueiro doido pra ferrar prefeito sentou a pua em Câmara Municipal da Ilha. Sem conhecer bulhufas da situação, escreveu que os edis estavam se recusando a votar um projeto que nunca chegou na Casa.

*

Pra completar a doideira do blogueiro, que vez por outra é flagrado bêbado dirigindo pela Ilha, ele destacou que aquela era a única câmara que não  havia concedido o aumento de salário dos vereadores no Estado.

*

Devia está pra lá de Bagdá quando escreveu. Isso porque em maio de 2020, o presidente Jair Bolsonaro editou  a Lei Complementar n° 173/2020, proibindo a União, Estados e Municípios a reajustarem salários até dezembro deste ano, por conta da pandemia.

*

O referido internauta foi desmamado da  própria prefeitura, onde, ao longo de quatro anos, embolsou uma considerável quantia, através da contratações de shows artísticos durante o período de Carnaval, São João e outras datas festivas. Pelo visto, está articulando sua volta ao posto que ocupava anteriormente.

*

Mas não precisava mentir e denegrir a imagem dos outros. Isso mostra falta  de conhecimento dos fatos. Vamos prestar atenção, gente, no que se escreve. É por isso que a blogosfera sofre pela falta de credibilidade.

*

Estou feliz da vida, mamma mia! Como escrevi anteriormente, no dia 25 do mês passado testei positivo para o Covid. Cumpri à risca o protocolo médico e, na quinta-feira, fui submetido a dois exames, em laboratórios diferentes. Ambos deram negativos.

*

Pude perceber, nos dias de angústia, até os últimos resultados, que tenho uma legião de amigos. Centenas de mensagens desejando minha recuperação  foram disparadas pelas redes sociais.  Confesso que me senti lisonjeado e aproveito para agradecer  a todos eles.

*

A deputada Ana do Gás passou vexame na semana passada. A Justiça determinou bloqueio de alguns de seus bens, em compensação a um cheque de pouco menos de 15 mil, sem fundos, que ela emitiu.

*

Nem a polícia está a salvo da sanha dos marginais. A coronel PM Edilene Soares, muito conhecida pelo seu trabalho na segurança, foi arrastada por um grupo de bandidos que levaram um veículo da irmã da policial.

*

O episódio ocorreu no conjunto Vinhais e provocou mais uma vez a revolta da PM, que ainda está traumatizada com o assassinato do tenente-coronel Ronilson, crime ocorrido recentemente, na porta da residência da vítima, no Residencial Pinheiros,

*

Ah, cidadã, a mídia agora encasquetou com a mansão do senador Flávio Bolsonaro, financiada pelo valor de R$ 6 milhões. A Globo abre e fecha seus noticiários com essa transação comercial.

*

Imagina se soubesse que, em São Luís, tem um político de terceiro escalão que anda assediando um esposo de uma magistrada, para lhe comprar a casa, no Jardim Eldorado, oferecendo-lhe R$ 2 milhões. E à vista!

*

O esposo da magistrada já foi procurado por mais de uma vez pelo político, que também foi atrás de um conselheiro do TCE, com o mesmo objetivo. Só que o conselheiro não tem mais a casa, no mesmo Jardim Eldorado, uma vez que a vendeu para comprar um apartamento na orla marítima.

*

Olha, cidadã, pouca gente sabe, mas o ex-prefeito de Cururupu, o Júnior Franco, está é de grande na prefeitura da cidade, agora na administração do Aldo Lopes. Indicou secretário e uma renca de outros auxiliares.

*

Voltando à questão da pandemia, cidadã, não se pode eximir da culpa a classe política. Esses mesmos políticos que hoje bradam aos quatro cantos que estão preocupados com a situação, são os mesmos que jogaram pras cucuias as medidas sanitárias.

*

Um exemplo cristalino dessa história é o próprio secretário estadual de Saúde, o Carlos Lula, que foi pilhado no maior fandango durante a campanha de um aliado, lá em Codó. Estava numa gandaia e sem máscara.

*

Dos candidatos a prefeito de São Luís, ninguém escapou. Todos eles desconheceram as regras e pelo menos três foram infectados. O Rubens Pereira Júnior, o Duarte Júnior e o Carlos Madeira, que logo em seguida renunciou à candidatura.

*

Justiça seja feita, o governador Flávio Dino se mostrou muito preocupado e pouco saiu do Palácio dos Leões. Como está acontecendo a gora. O quadro é preocupante e mesmo assim tem neguinho fazendo pouco do problema.

*

Um vereador da Ilha fez um prolongado discurso afirmando que pela primeira vez no Brasil não se realizou Carnaval, desde que a festa foi instituída   no País.

*

O nobre parlamentar estava enganado. Em 1918 não aconteceu a festa do  Momo  por conta da pandemia da Gripe Espanhola, que dizimou milhares de pessoas ao redor do mundo. Como o coronavírus.

*

Bem minha fofa, com essa t,eu pretinho vai ficando por aqui, garantindo retorno na próxima semana, se Deus quiser. E ele quer, porque sempre foi bacana com esse pretinho aqui.

*

Beijão desse filhote que jamais deixará de te amar.

Djalma.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.