Aposta de São Luís leva R$ 11,6 milhões na Quina de São João

 

A Caixa realizou, na noite deste sábado (24), em Campina Grande (PB), o sorteio da Quina de São João, pelo concurso 4.412. Houve 12 apostas ganhadoras, e cada uma ganhou R$ 11.622.069,29. De acordo com a Caixa, o prêmio total foi de R$ 139,4 milhões.

Entre os vencedores da Quina, está uma aposta de São Luís. As outras cidades com premiados das cinco dezenas foram: Manaus (AM), Aparecida de Goiânia (GO), Brasília (DF), Belo Horizonte (MG), Teresina (PI), Marialva (PR), Passo Fundo (RS), Rio de Janeiro (RJ) e São Paulo (SP), sendo que a capital paulista teve três apostas ganhadoras.

Confira as dezenas sorteadas: 06 – 07 – 13 – 14 – 26.

A Quadra teve 4.311 apostas ganhadoras, e cada uma vai levar R$ 2.516,56. O Terno teve 236.205 premiados, que vão ganhar R$ 69,06 cada um. Por fim, o Duque paga R$ 1,87 para 4.786.382 apostas.

Para jogar na Quina, basta escolher cinco números dentre os 80 no bilhete. A aposta mais simples custa R$ 1,50. Quem acerta cinco, quatro, três ou dois números, ganha um prêmio na respectiva faixa de acerto.

 

Flávio Dino visita Humberto Coutinho e diz :ele está pronto para a batalha de todos os maranhenses

O governador Flávio Dino visitou, neste sábado (24), em Caxias, o amigo e parceiro político de todas as horas, deputado Humberto Coutinho (PDT), presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Maranhão.

Flávio declarou estar “emocionado com a vibrante recuperação de Humberto Coutinho, que se encontra muito bem-disposto e pronto para me ajudar na grande obra de reconstrução do Maranhão”.

O governador destacou, também, a relação com o presidente da Assembleia. “Todos sabem que Humberto, mais que um amigo e presidente da Assembleia Legislativa, é o copiloto do meu governo e sua presença na Assembleia é decisiva para as vitórias do povo maranhense que, manifestamente, tem apoiado nossas ações para melhorar ainda mais nosso estado”, afirmou Flávio Dino.

O Presidente da Assembleia Legislativa se emocionou com a visita do amigo e governador do Estado, Flávio Dino. “Tenho pelo Flávio uma estima única. Ele é o governador e líder político de todos nós. Sua inteligência, capacidade política e administrativa, além da generosidade pessoal, o coloca acima de todos os políticos. Recebê-lo aqui na minha casa, em Caxias, encheu a mim e à Cleide de alegria e satisfação. Por isto, disse ao governador que estarei no comando da Assembleia nos próximos dias para conduzir os projetos de grande alcance social do Governo do Estado que beneficiam milhares de maranhenses, como o projeto Juros Zero, já aprovado, e o projeto Mais Alfabetização”, declarou.

Na visita do governador, o presidente Humberto solicitou que o Governo do Estado continue apoiando financeiramente a Maternidade Carmosina Coutinho, que atende toda a Região dos Cocais, pleito prontamente atendido pelo governador, que garantiu que a Secretaria de Saúde repassará os recursos necessários para a manutenção da equipe de profissionais que trabalham naquela entidade hospitalar.

Juntos, o governador Flávio Dino e o presidente da Assembleia Legislativa reafirmaram o compromisso de continuar trabalhando por todo o Maranhão e, especialmente, pela Região dos Cocais, com ações que já melhoraram o padrão de vida de todos os maranhenses e inúmeros projetos sociais e econômicos que estão mudando a face social do nosso estado.

 

Conselho apresenta balanço dos projetos apoiados com o Fundo da Criança e do Adolescente

A Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal da Criança e Assistência Social (Semcas), participou nesta sexta-feira (23), no Centro de Criatividade Odylo Costa, filho, da apresentação dos resultados dos projetos apoiados para o biênio 2015/2017, pelo Fundo Municipal da Criança e do Adolescente de São Luís (FMDCA).

O evento foi realizado pelo Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), gestor dos recursos do Fundo. Foram investidos cerca de 4 milhões, com execução de aproximadamente 26 instituições da sociedade civil e três do poder público que beneficiaram mais de oito mil crianças, adolescentes e suas respectivas famílias.

De acordo com a titular da Semcas, Andreia Lauande, a tarde de apresentações fecha um ciclo de projetos e atividades que ajudam a transformar a realidade de crianças e adolescentes na capital. “O momento é de comemoração, pois é muito gratificante ver os resultados dos projetos apoiados pelo fundo, através das atividades realizadas ao longo de 2016 pelas instituições. Um dos compromissos da gestão do prefeito Edivaldo é justamente promover a proteção de crianças e adolescentes, por meio do fortalecimento das políticas públicas e o apoio aos projetos que promovam atividades socioassistenciais que contribuam para o desenvolvimento da cidadania de meninos e meninas em São Luís “, disse, Andreia Lauande.

APRESENTAÇÕES

Durante a solenidade, as crianças e adolescentes realizaram apresentações culturais desenvolvidas pelas instituições que incluíam dança, consciência ambiental, teatro, música, capoeira, vídeos e exposição de produtos confeccionados ao longo da execução dos projetos.

“Hoje é um dia de apresentação de resultados do que de fato os projetos significaram na vida dessas crianças, além de uma prestação de contas para toda sociedade de como e onde foram investidos os recursos do FMDCA. As ações apresentadas aqui são de atividades que aconteceram ao longo do biênio 2015/2017”, destacou a presidente do CMDCA, Janicelma Fernandes.

Os projetos sociais desenvolvidos pelas instituições da sociedade civil e órgãos públicos, contemplaram as seguintes linhas de atendimento: Ações de Enfrentamento à Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes; Ações Socioeducativas através do Esporte; Cultura, Lazer e Incentivo à Leitura; Dança; Música; Oficinas de Informática, Acolhimento Institucional, Práticas Restaurativas e Medidas Socioeducativas, Capacitação de Técnicos e Conselheiros Tutelares e Fortalecimento do CMDCA.

Entre os projetos de órgãos públicos executados no biênio 2015/2017, apoiados com os recursos do Fundo, estão o Família Acolhedora; o Projeto Acolher para Qualificar; o atendimento institucional e familiar da Semcas; e o projeto Movimento e Resgate, da Secretaria Municipal de Desporto e Lazer (Semdel).

Para a adolescente Naellem Moraes, atendida pelo Acolher para Qualificar, a participação no projeto foi fundamental para sua família. “Eu e minha mãe não somos daqui e ter esse apoio foi de extrema importância, porque é algo relacionado a nossa moradia. Agradeço muito por ter esse acolhimento quando mais precisamos”, disse a adolescente.

FUNDO

Em São Luís, os recursos do Fundo são provenientes de três fontes principais: o repasse dos 10% do Imposto dos Servidores Municipais, multas e penalidades decorrentes de ações civis e da aplicação de penalidades pecuniária (conforme previsto no Estatuto da Criança e do Adolescente) e as doações de pessoas jurídicas e físicas em dinheiro e em bens, passíveis de dedução de Imposto de Renda Devido.

E-mail pra dona Bibi

 

–Oi, morena, muito bom dia! Espero que estas poucas e mal traçadas venham a encontra-la na santa paz do Nosso Criador. Por aqui, cidadã, as coisas estão indo de mal a pior. O Brasil, agora, em plena Lava Jato, perdeu uma grana. É que a Noruega cortou, pela metade, um apoio institucional, da ordem de U$ 400 milhões, que liberava anualmente para  um programa de defesa da Amazônia.

Pra completar, o presidente norte-americano Donald Trump embargou a  importação da carne fresca do Brasil. Duas pancadas. Mas é assim mesmo. A imagem  do Brasil lá afora não é mais aquela do Carnaval e do futebol. O que vem marcando agora é a corrupção.

Tentando amenizar a crise, o presidente Michael Temer fez um périplo mundo afora, sendo recebido por Putin, na Rússia e pelo governo norueguês, onde representantes daquele país não se fizeram de rogados em destacar a Lava Jato como um fator extremamente negativo para o Brasil.

Agora, mamma mia, eu te pergunto: Como é que um país onde 30 por cento dos congressistas estão respondendo bronca no STF e onde ministros e outras autoridades são acusados de corrupção pode ter imagem positiva?

Bem, vamos agora para as nossas informações de casa.

*

Estamos há 1 ano e cinco meses das eleições, Bibi e já começou uma guerra de pesquisas. Os institutos Exata e Escutec dispararam números, com resultados amplamente discordantes.

A Escutec aponta para uma vantagem de Roseana Sarney, enquanto o Exata mostra que o governo Flávio Dino está ainda em lua de mel com o povo maranhense.

*

Já para o Senado, o Escutec mostra que os preferidos do eleitorado são o ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho e o deputado federal Zé Reinaldo.

*

O deputado federal Weverton Rocha, que está em plena campanha desde o ano passado, figura, pelo Escutec, na sexta colocação, atrás do enrolado deputado federal Waldir Maranhão. Mesmo tendo um poderoso sistema de comunicação ao seu dispor.

*

Com relação ao governo do Estado, a pesquisa recente sepultou pretensões de figuras como a deputada federal Eliziane Gama, e do prefeito de Santa Rita, Hilton Gonçalo, que sequer foram citados na espontânea.

*

A grande surpresa desse levantamento, na realidade, foi o secretário de Educação do Estado, Felipe Camarão, que aparece pontuando, sem jamais haver exercido um mandato parlamentar.

*

O nome de Felipe Camarão deve-se à sua excelente performance como auxiliar do governo Flávio Dino, onde anteriormente já foi secretário de Gestão e Planejamento e de Cultura, com atuações exemplares.

*

Pelo menos dois fortes secretários municipais podem ser defenestrados dos seus respectivos cargos. Isso porque não estariam agradando a aliados do prefeito Edivaldo Holanda Júnior e nem aos vereadores. Até agora, são considerados imexíveis.

*

Olha, Bibi, não está havendo limites para a bandidagem em São Luis. Na última quinta-feira, um trio tentou um assalto à agência de Correios do Aeroporto do Tirirical. Houve tiroteio e dois dos bandidos acabaram baleados.

*

Dá pra perceber que são bandidos otários, até porque ali é uma verdadeira ratoeira, no que concerne à saída em situações de emergência. Se deram mal.

*

Estive assuntando, na quinta-feira pela manhã, uma manifestação de “pescadores”, na porta do prédio da Superintendência de Pesca, do Ministério da Pesca , no bairro do Diamante.

*

Pelo vestuário dos manifestantes, dava pra observar que ali tinha gente que pode até nem conhecer um caniço, imagine ser pescador artesanal. Cada louraça!…

*

Essa história de pescador no Maranhão, ainda vai dar muito pano pra manga. Bem aqui perto, no Pará, a PF prendeu uma renca de faltos pescadores e de responsáveis pela emissão de documentos para aposentar a rapaziada.

*

Por aqui, Bibi, existe é uma verdadeira quadrilha, incrustada em vários poderes, especializada em pescar votos de incautos, que são transformados em pescadores sem pelo menos conhecerem os instrumentos para a captura de peixes.

*

O advogado Willer Tomaz, que atua na defesa do frigorífico JBS e  que foi preso pela Polícia Federal, na última quinta-feira, em  18 do mês passado, no Hotel Luzeiros São Luís, deve fazer delação premiada.

*

Ele estava se preparando  para proferir uma palestra de apresentação aos funcionários da TV Difusora e da rádio Difusora FM.

*

Ele era considerado o novo sócio majoritário do pool de emissoras situadas no bairro da Camboa, região central da capital maranhense. Willer Tomaz é ainda sócio da Rádio JK FM, em Brasília (DF) e tem escritório na capital federal.

*

Na realidade, a prisão do polêmico causídico está provocando calafrios na classe política do Maranhão, envolvendo gente de praticamente todas as vertentes.

*

Briga das boas se desenha no horizonte político maranhense, morena, é pela indicação do companheiro de chapa do governador Flávio Dino.

*

A vaga de vice está sendo disputada a tapas nos bastidores. Quem está lá, Carlos Brandão, não quer sair e muitos são os que querem entrar. Muita água ainda vai correr por baixo e por cima da ponte nesse rapapé.

*

O presidente da Câmara Municipal, Astro de Ogum, vem mostrando mais uma vez que conhece tudo de cultura popular. Vem coordenando os arraiais da Vila Palmeira e o “Pertinho de Você”, na Cohama.

*

Em ambos, os festejos juninos estão ocorrendo sob o clima de tranquilidade e com muito brilho. No próximo dia 28, quem estará se apresentando na Cohama é a nossa “Marrom”, Alcione Nazaré.

*

Falando em Astro de Ogum, ele já descartou a possibilidade de vir a disputar uma vaga na Assembléia Legislativa no próximo ano. Ele admite que pretende mesmo é concorrer à sucessão do prefeito Edivaldo Holanda Júnior.

*

O  prefeito de Santa Rita, Hilton Gonçalo, trabalha a formação de uma terceira via para a sucessão estadual do próximo ano. Já anunciou que estará deixando as fileiras do PC do B.

*

Ele tem a esposa prefeita em Bacabeira, a irmã, prefeita em Pastos Bons e tem controle sobre mais cinco prefeitos que ajudou a eleger.

*

Bem, minha fofa, com essa, teu pretinho vai ficando por aqui, garantindo retorno na próxima semana, se Deus quiser.

E ele quer, porque sempre foi bacana com esse teu pimpolho.

Beijão desse filhote que jamais te esquecerá

Djalma

 

“Não faz isso, por favor’, foram as últimas palavras de maranhense morta pelo namorado em Teresina

Foi com muita saudade, dor e desejo por justiça que a irmã de Iarla Lima, a jovem assassinada pelo namorado na última segunda -feira (19) em Teresina, conversou com exclusividade ao G1. Ilana Lima contou em detalhes os últimos momentos da irmã com vida.

“Foi tudo muito rápido, ela nunca imaginava passar por aquilo. Tanto que ela se assustou quando ele apontou a arma para ela e pediu, ‘Não faz isso, por favor. Não faz isso Silva Neto”, contou a irmã.

A estudante de farmácia explica que naquele dia foi convidada pela irmã para sair com ela e o namorado. Por vezes tentou desistir, mas achou melhor acompanhá-los, afinal ela era companheira em tudo que Iarla fazia.

A estudante de farmácia explica que naquele dia foi convidada pela irmã para sair com ela e o namorado. Por vezes tentou desistir, mas achou melhor acompanhá-los, afinal ela era companheira em tudo que Iarla fazia.

“Sempre fomos muito unidas, eu não estava afim de sair, mas decidir ir. O namorado dela nos buscou em casa e formos a festa. Lá encontramos com dois amigos dele. Todos nós dançamos, inclusive eu e minha prima dançamos com eles três, assim como a Iarla, afinal eram todos amigos. Se em algum momento ele sentiu ciúmes, não demonstrou. A noite toda ele tratou ela com carinho”, disse.

A irmã de Iarla conta ainda que em dado momento, Silva Neto falou que queria ir embora porque estava passando mal. “A Iarla se preocupava muito com todo mundo. Ela gostava muito dele e por isso assim que ele falou que estava passando mal, ela começou a cuidar dele e se organizar para ir embora. Entramos na fila para pagar a conta e a todo momento eles estavam abraçados”, relatou.

Ilana conta que o casal se beijou antes de pagar a conta e saíram de mãos dadas para o carro. Sempre preocupada, a jovem lembra que a irmã ia questionando como o namorado estava se sentindo.

“Ela perguntou como ele estava, se queria vomitar ou tomar uma água, entramos todos no carro e o questionamos se ele precisava de alguma coisa, mas ele não nos respondeu. Assim que fechou a porta ele alterou o tom de voz e perguntou, ‘Iarla, tu acha que eu sou criança? Pensa que eu não vi tu dançando com todo mundo da festa?’, não deu tempo dela responder nada. Eu não vi a arma, mas vi quando ela olhou assustada para ele pedindo que não fizesse aquilo”, lembra emocionada.

Após os primeiros disparos, Ilana conta que olhou para a irmã, já imóvel no banco do passageiro do carro. Foi neste momento que o tenente teria direcionado os tiros para as outras duas passageiras. “Quando ele atirou na gente, saí do carro correndo e pedindo socorro. Ele deu a ré e arrancou com o carro levando minha irmã com ele. Foi tudo muito rápido, nem senti que havia sido ferida. Só gritava para que achassem a Iarla”, contou.

Um casal que estava saindo do mesmo estabelecimento teria ajudado Ilana e a tia a irem ao hospital, assim como a contactar a família e polícia. A jovem conta que só conseguia pensar na irmã e que pedia para que todos a encontrassem.

Para a estudante, o namorado da irmã a traiu, uma vez que ela acreditava que ele era uma boa pessoa e que gostava muito dela. “Ela confiava nele. Como era uma pessoa nova na nossa vida, eu tinha dito para ela tomar cuidado, mas ela sempre dizia, ‘ele é uma boa pessoa e gosta de mim’. Ela jamais imaginava que ele faria isso”, falou.

O relacionamento

Segundo Ilana, o casal havia se conhecido em uma festa e como estudavam na mesma faculdade, continuaram a conversa e foram se envolvendo. A surpresa veio quando no último dias dos namorados, Iarla foi pedida em namoro com direito a buquê de rosas. “Ela estava encantada, chegou contando como ele havia feito o pedido e que havia aceitado. Eu sabia que eles estavam conversando há alguns meses, mas não imaginava que eles iriam namorar”, disse.

Ilana Lima conta ainda que ela estava decidida a terminar o namoro com Silva Neto antes de voltar para sua cidade natal, em Governador Eugênio Barros, município do Maranhão localizado a 200 km de distância da capital do Piauí onde o corpo de Iarla foi enterrado. “Ela disse que estava muito feliz e que gostava muito dele, mas que não o amava. Fazia pouco tempo que ela tinha se separado, acho que ela não queria se envolver seriamente com mais ninguém”, contou.

 

 

 

 

Foragido de Pedrinhas é morto durante troca de tiros em Santa Rita

Um foragido da Penitenciária de Pedrinhas, identificado como Vanderluz Gomes da Silva, o “Martelo”, como era conhecido de 36 anos, foi morto em confronto com a policia  na madrugada deste sábado (24), na cidade de Santa Rita

Vanderluz Gomes teria sido um dos 36 criminosos resgatados da Unidade Prisional de Ressocialização de São Luís (UPSL 6), antigo  Centro de Detenção Provisória (CDP),  no dia 21 do maio deste ano.

De acordo com os dados policiais, desses fugitivos, sete morreram 17 recapturados e ainda há 12 foragidos.

Segundo o delegado da Seic, Thiago Bardal, a polícia ainda em busca para recapturar outros  foragidos , e  na noite desta  sexta-feira(23), os policiais ficaram sabendo que Vanderluz da Silva estaria se escondendo em Santa Rita, e ja com as informações  em mãos, eles  se deslocaram até essa cidade onde fizeram campana.

O confronto aconteceu após avistarem Vanderluz, que reagiu a voz de prisão trocando tiros com os policiais.

Ainda ferido  o elemento  chegou a ser  levado para uma unidade  de saúde de Santa Rita, mas chegou sem vida. O corpo do suspeito  foi removido para o Instituto Médico Legal (IML) em São Luís, para ser periciado.

Vanderluz da Silva era natural de Goiânia, no estado de Goiás e tinha  uma extensa ficha criminal, por  crime de roubo, assaltos  bancos em vários  estados, incluindo o  Maranhão.

FEIBA MACAIB ALEMA e Conselho Tutelar: Entidades do Eixo Itaqui – Bacanga participam de audiência pública na Câmara Municipal

A Federação das Entidades da Área Itaqui – Bacanga (FEIBA) participou na manhã desta quinta-feira (22), na Câmara Municipal de São Luis, da audiência pública que discutiu a regulamentação dos Ônibus Especiais Fúnebres e o Fundo Social /Beneficente às comunidades carentes da capital maranhense.

A audiência foi presidida pelo vereador Francisco Carvalho (PSL), de autoria do vereador Francisco Chaguinhas, (PP), que buscou encontrar através do dialogo com a sociedade civil e comunitários, uma solução para  encaminhar  ao poder executivo  a situação  problemática .

A entidade foi representada pelo 1º Secretário, Paulo Carvalho e a vice- Presidente Ana Coimbra da comunidade Argola e Tambor/Gapara, em uma parceira com o líder comunitário  do (MACAIB), Sebastião Santos que  mostrou  esta confiante com  a casa parlamentar.

Em seu pronunciamento na tribuna, o 1º Secretário Paulo Carvalho lembrou que a FEIBA, tem apenas sete anos de vida, mais com muitos projetos implantados no eixo Itaqui – Bacanga, principalmente na área de transporte urbano, a exemplo de duas linhas criada em parceria com a prefeitura de São Luís, na gestão do ex- prefeito, já falecido, João Castelo.

Disse que hoje o pais passa por uma crise no âmbito social, e cobrou  a participação da SEMCA  nas discussões, por ser uma secretária ligada ao social , e  a população não  pode somente  cobrar dos vereadores.

Ja a vice-presidente Ana Coimbra foi enfática em dizer que a região do Gapara   ficou  esquecida por muito tempo pelo  poder público, e até hoje não se tem solução.

Por outro lado o presidente da FEIBA, jornalista Mauro Garcia, falou que a Federação da Área  Itaqui – Bacanga, participou  das reuniões com as entidades, ALEMA , Macaib, e o conselheiro Tutelar, João Costa ,na sede da  SMTT, onde buscou soluções  junto ao secretário, Canidé Barros, ja que ele garantiu o retorno dos ônibus especiais Fúnebres.

Conselheiro Tutelar pela Área Itaqui – Bacanga, João Costa completou dizendo que as entidades, ALEMA / MACAIB e FEIBA, estão emanadas na busca de soluções para a comunidade do Bacanga.

“As entidades hoje estão emanadas para buscar soluções para região do Itaqui – Bacanga”. “Elas não podem mais ficar divididas diante dos problemas e de uma realidade cruel no qual estamos convivendo”.  “A parceria MACAIB / FEIBA/ ALEMA e Conselho Tutelar vêm mostrando força e um novo momento da região, e quem esta ganhando com isso é a comunidade, sendo defendida por três entidades de peso”.  Completou João Costa.

Os comunitários devem se reunir nos próximos dias para avaliar os pontos positivos da audiência, mas ja avisaram que serão tomadas medidas drásticas contra a prefeitura de São Luís, se caso não obtenham resposta.

Participaram da audiência os comunitários, Alex Kennedy ( Presidente da ALEMA), Paulo Carvalho (1º secretário da FEIBA),  Sebastião Santos (MACAIB), Ana Coimbra  (Vice-presidente da FEIBA) , Moisilesia Buceles (ACIB), Mauro Garcia (FEIBA), João Rodrigues (MACAIB), Saska da Vila Bacanga (MACAIB/FEIBA), Pedro Castro Cidade da Olímpica (Vice –presidente da ALEMA), Mauro Macedo (Gapara),  Ezequel (Sá Viana) Ronald Big(MACAIB), Mingota(Anjo da Guarda), João Costa (Conselho Tutelar), e outros.

Marcaram presença, Lucinha (MACAIB), Maria Olinda (FEIBA), Paeta (ACIB), Leandro Juventude (Vila Isabel), Walter (ALEMA), Priscila (Monte Castelo), Eliete Serra (Vila Bacanga), Eliete Dutra (Vila Embratel), e Ferreira (Vila Embratel)

A sessão foi presidida pelo vereador Francisco Carvalho que enalteceu a comunidade do eixo Itaqui- Bacanga, sendo vereador Francisco Chaguinhas autor do requerimento.

Vereadores presentes, Genival Alves (PRTB), Francisco Carvalho (PSL), Cesar Bombeiro  (PSD), Francisco Chaguinhas (PP) , Concita Pinto(PEN), e Estevão Aragão (PSB).

 

João Alberto livra Aécio da cadeia

O presidente do Conselho de Ética do Senado, João Alberto Souza (PMDB-MA), informou nesta sexta-feira (23) ter arquivado o pedido de cassação de Aécio Neves (PSDB-MG).

Após João Alberto comunicar a decisão, a assessoria de Aécio divulgou nota na qual disse que a defesa do parlamentar reitera a “absoluta correção” da conduta do tucano e reafirma que as afirmações de delatores da JBS não devem ser tratadas como prova.

Após as delações da JBS se tornarem públicas, no mês passado, os partidos Rede e PSOL pediram a cassação do mandato de Aécio por quebra de decoro parlamentar. Cabe ao conselho analisar esse tipo de pedido e, se der prosseguimento, encaminhar um parecer ao plenário do Senado.

O tucano está afastado do mandato desde o mês passado, por determinação do Supremo Tribunal Federal. Ele tem negado todas as acusações dos delatores e afirmado que provará a inocência.

Cabral consome antidepressivos na cadeia

O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ) informou que encontrou, durante uma fiscalização surpresa na Cadeia Pública José Frederico Marques (antigo BEP), em Benfica, duas caixas com quase 30 comprimidos de antidepressivos (medicação controlada, de tarja preta) e outras dezenas de comprimidos não identificados na cela do ex-governador Sérgio Cabral. A quantidade de antidepressivos foi considerada excessiva pelo órgão.

Segundo o MP, o preso informou que seu receituário prevê, no entanto, apenas dois comprimidos diários de antidepressivo – e que os comprimidos não identificados seriam vitaminas. A fiscalização do MPRJ identificou que outros dois presos, custodiados em outras celas da cadeia pública, também mantinham dezenas de comprimidos de medicação controlada.

Ministro do TSE denunciado por espancar a esposa

O ministro Admar Gonzaga, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), foi acusado pela mulher, Élida Souza Matos, de violência doméstica. Ela registrou na madrugada de hoje (23) um boletim de ocorrência na 1ª Delegacia de Polícia de Brasília, quando disse ter sido agredida fisicamente pelo magistrado. Policiais que acompanham o caso informaram que Élida, é dona de casa e mora com Gonzaga há cerca de 10 anos, tinha um machucado na região do olho e foi encaminhada para o Instituto Médico-Legal (IML) para exames.

O advogado Antônio Carlos de Almeida Castro, o Kakay, que disse representar o casal, confirmou o registro do boletim de ocorrência, mas que Élida já fez uma retratação, pedindo o arquivamento do caso. Em nota, ele nega que tenha ocorrido agressão física e que houve um desentendimento do casal com “exasperação de ambos os lados”.

“Élida já foi à 1ª DP e registrou uma retratação. A ocorrência foi feita no calor dos acontecimentos e ela decidiu que queria apresentar imediatamente a retratação. O ministro Admar inclusive a acompanhou à delegacia”, disse o advogado.

De acordo com o Artigo 16 da Lei Maria da Penha (Lei 11.340/2006), mesmo que a vítima faça uma retratação, o juiz é a única autoridade competente a admitir a retirada da queixa contra o acusado, o que só pode ser feito após parecer do Ministério Público. Em interpretação ao artigo, o Supremo Tribunal Federal (STF), em uma ação direta de inconstitucionalidade, entendeu que crime de lesão corporal, independentemente da extensão, tem natureza incondicionada, não dependendo de representação da vítima.

Como ministro do TSE tem foro por prerrogativa de função, o caso deverá ser encaminhado ao Supremo.

Admar Gonzaga foi nomeado para o cargo pelo presidente Michel Temer em março. No início deste mês, ele votou pela absolvição no julgamento em que o PSDB pedia ao TSE a cassação da chapa Dilma-Temer.