Choque de veículos deixa saldo de cinco mortos em Perizes

Uma colisão às 5h da manhã de hoje, dia 24, entre um coletivo da Guanabara, que estava vindo de Fortaleza e um Gol que estava voltando para São Luís, resultou na morte de cinco pessoas, na BR 135, em Bacabeira.

O automóvel estava vindo de Arari e foi atingido pelo ônibus e arrastando para o canteiro central, destruindo toda a parte traseira levando a óbito todas as cinco pessoas que estavam no carro de cor preta, placas OJA 9044. Testemunhas informaram para policiais da PRF que o Gol freou bruscamente em frente a um quebra molar quando hou o acidente.

Veículos da Samu e Corpo de Bombeiros estiveram no local, assim como do IML para remoção dos corpos, que ainda serão identificados.

 

Servidores da Câmara passam a contar com assinatura de ponto eletrônico

Tendo como escopo um TAC (Termo de Ajuste de Conduta) entre a Câmara Municipal de São Luís e o Ministério Público, os servidores do Legislativo Ludovicense passarão a ter à disposição a assinatura de ponto eletrônico, para a justificação de sua frequência ao local de trabalho, a partir desta quinta-feira, (24)..

São quatro os terminais instalados em espaços de grande visibilidade a todos os funcionários, localizados nos principais pontos de entrada e saída dos trabalhadores. A providência atende a um acordo celebrado entre a Câmara Municipal e o MP, como determinação para o melhor funcionamento do parlamento são-luisense, e o controle da entrada e saída dos servidores.

Segundo a chefe do Setor de Licitação do Legislativo, Silvia Sousa Balbi, os equipamentos foram implantados a partir de um processo ordinário, sem a necessidade de realização de licitação, já que se tratava de uma exigência emergencial a partir de um TAC, e o prazo para o seu cumprimento era bastante exíguo.

Já o secretário Administrativo Itamilson Correia Lima, o assunto é parte de uma norma adotada com objetivo de disciplinar o funcionamento legal e organizatório da Câmara Municipal.

Itamilson Correia Lima falou que após a implantação, estaremos dando início a etapa de alimentação do sistema com informações acerca dos servidores, para em seguida darmos largada na fase de teste. Ele afirmou acreditar que a partir do segundo semestre todo o equipamento estará em pleno funcionamento, “até porque iremos ter um período que passa o recesso parlamentar, o que nos dá um tempo bastante razoável para colocarmos tudo em ordem, conforme determina o acordo firmado no TAC.

 

Marcha a Brasília – Cleomar Tema pede à bancada federal total  empenho na votação de pauta municipalista

O presidente da Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (FAMEM) e prefeito de Tuntum, Cleomar Tema, solicitou aos parlamentares federais maranhenses total empenho para a aprovação da pauta municipalista contida no programa apresentado pela Confederação Nacional dos Municípios (CNM), durante a XXI Marcha a Brasília, que começou no último dia 21 e se encerra nesta quinta-feira, 24, em Brasília.

O apelo de Tema foi feito na tarde desta quarta-feira (23), durante a segunda reunião de prefeitos e a bancada federal do Maranhão, ocorrida no final da tarde, sob a coordenação da deputada Luana Costa (PSC), no Plenário 16, no Anexo III da Câmara Federal.

Na pauta municipalista defendida pelo dirigente da Famem, constam, a aprovação da Lei Kandir, que propiciará um incremento de quase R$ 600 milhões nas receitas do Maranhão, a instituição de mais 1% no FPM a ser destinado aos municípios a cada ano no mês de setembro, a questão do ISS que está em tramitação no STF, além da elevação dos recursos dos programas federais, para evitar que os municípios continuem a ser onerados por conta de uma contrapartida que não deveria existir.

Ele citou, como exemplo, a merenda escolar, em que a União destina apenas 36 centavos por cada aluno,  quantia que – segundo Tema, é insuficiente para a aquisição de um simples pão francês.

“Temos programas como o PSF e o TFD, além do Samu e das UPAs, em que o Governo Federal aparece como redentor, mas que, na realidade, aloca recursos que são insuficientes para o funcionamento, nos levando a arcar com o restante”, acrescentou.

Cleomar Tema também pediu à bancada maranhense, que se esforce junto ao Governo da União, no sentido de que este disponibilize verbas  permanentes para o funcionamento da saúde em pequenos municípios, onde a falta de recursos leva a uma situação extremamente delicada.

De acordo com Tema, cidades com 10 ou menos de 10 mil habitantes estão com a saúde na UTI, provocando terror nas parturientes, uma vez que nestes municípios,  os hospitais não tem estrutura adequada sequer para a realização de partos.

“Sugiro, então, aos nossos deputados, que se articulem para que esse quadro seja modificado, através de recursos permanentes, possibilitando  uma saúde adequada a estas pequenas unidades municipais.  No Maranhão, por exemplo, posso afirmar que algo em torno de 80 cidades se encontram nessa situação”, acentuou.

O deputado federal Julião Amin (PDT), acatou a sugestão de Tema e sugeriu que a FAMEM elabore um documento a ser entregue aos deputados. “Que a pauta municipalista seja a pauta de vocês”, afirmou Tema, se dirigindo aos parlamentares.

CODEVASF

Durante  a reunião dos prefeitos com a bancada federal, o superintendente da Codevasf no Maranhão, Jones Braga, que já foi prefeito de Nina Rodrigues, fez uma ampla explanação sobre as ações desenvolvidas pela companhia, afirmando que ela atua em vários setores, de acordo com emendas de bancada ou individuais apresentadas pelos parlamentares.

Vários prefeitos se manifestaram mostrando-se otimistas quanto ao trabalho da Codvasf e afirmando que ela tem uma operacionalização mais dinâmica do que a da Caixa Econômica, onde a burocracia dificulta o andamento dos convênios.

Primeiros passos no O Debate

*Itamargarethe Correa Lima

Não segurei as lágrimas ao começar a rabiscar as primeiras palavras sobre a importância do Jornal O Debate e de Jaci Morais no meu caminhar profissional. Em 1997, aqui cheguei pelas mãos do saudoso Renato Sousa, quando ainda cursava o 4ª período do

​ Curso de C​omunicação Social​, ​na Universidade Federal do Maranhão (UFMA), ​com a atribuição de digitar os textos​ de autoria do brilhante jornalista policial.

No entanto, em pouco mais de 30 dias, fui convidada por seu Jaci, carinhosamente chamado de Tangedor pelos mais próximos, para assumir a Editoria de Polícia, mesmo sem saber ainda nada do apaixonante mundo policial. Ousada e determinada, características que alicerçam a minha vida pessoal e profissional, de pronto aceitei o desafio.

Naquele momento, deu-se in​í​cio a minha caminhada. Aqui foi minha grande escola. Aqui aprendi a amar o que faço. Aqui me apaixonei pelo jornalismo policial, pois, muito embora esteja afastada deste universo, é o que escrevo com a alma. Aqui convivi com grandes nomes do jornalismo maranhense, como Silvia Teresa, que foi minha primeira chefa imediata, a qual desde aquela época já se admirava com a minha grande paixão pelas joias.

Mário Carvalho, Manoel dos Santos Neto, o Manoelzinho, Daniel Matos, Gilson Dumont, Claudio Brito, Nice Morais foram outros que por aqui também encontrei. Saudades, muitas saudades. Saudades de quando alagava o Portinho, conhecido como “Xirizal”, incluindo a redação do jornal, e tínhamos que sair, muitas das vezes,

​à​s 23h, com água até o joelho com destino ​à​ parada de ônibus no Anel Viário.

Aqui, lembro-me como se fosse hoje​:​ um sábado, já passando das 13h, na correria de fechamento​ [de matéria? da empresa?]​, o saudoso Galinheiro ​(​quem não o conheceu também) falou: “tem um cabra ali estirado no meio da rua. Saiu com uma puta e não quis pagar, não deu outra, ela meteu faca”. Curiosa, mesmo contrariando aos colegas que já queriam ir embora, disse: ​”​vou lá, é tão pertinho​”.  ​Como o jornal não possuía veículo próprio, tudo era feito por telefone, subi andando ao lado do fotógrafo Cavalcante.

​ ​Ainda sensível às brutalidades do mundo policial, não segurei as lágrimas. Naquele dia vi o meu primeiro “presunto”, assim chamado cadáver no jargão policial. Ali percebi que a minha alma era de jornalista.

A seu Jaci, esteja ele onde estiver, o meu muito, muito obrigada. O jornal O Debate foi peça fundamental para que chegasse onde estou.

*Itamargarethe Correa Lima

Jornalista e advogada

Ciro Gomes detona classe política e Ministério Público durante jantar com prefeitos na sede do PDT

  Um jantar de confraternização entre prefeitos do PDT e o presidenciável do partido, Ciro Gomes, organizado pelo presidente maranhense da sigla, deputado federal Weverton Rochja, na noite desta terça-feira (21), na sede da agremiação partidária, em  Brasília, abriu espaço para  Ciro  Gomes, num rápido pronunciamento, criticar pesadamente o Governo Federal, a classe política e até o Ministério Público.

Ciro Gomes já havia proferido palestra direcionada aos prefeitos,  no Centro de Convenções Internacionais, como parte da programação da XXI Marcha a Brasília, onde todos os postulantes a presidente da República tiveram a oportunidade de apresentarem suas respectivas plataformas de governo.

Na sede do PDT, Ciro Gomes mostrou que “ o Brasil entrou num desfiladeiro. São mais de 13 milhões de desempregados e 60 milhões estão com seus nomes negativados nu, SPC e Serasa. Não adianta termos grandes riquezas naturais, se elas são mau gerenciadas e entregues ao capital estrangeiro” , afirmou.

Quanto à classe política, Ciro Gomes jogou pesado: “A classe política tem que readquirir respeito. Com raras exceções, estamos nessa situação exatamente por conta da classe política. Isso leva a uma situação inusitada, onde representantes do Ministério Públicos, jovens promotores que não receberam o voto sequer se acham no direito de mandar nos gestores públicos, com ameaças de prisão e  criando outras  situações adversas”, acrescentou o presidenciável.

Marcha a Brasília – Tema clama pelo Pacto Federativo durante  reunião com a bancada federal na Câmara

O presidente da Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (FAMEM), e prefeito de Tuntum, Cleomar Tema,  disse, durante pronunciamento na tarde desta terça-feira (21), no auditório Nereu Ramos da Câmara Federal, ser necessária a materialização do Pacto Federativo, para que os municípios brasileiros saiam dessa grave crise financeira em que estão mergulhados.

O pronunciamento do dirigente municipalista foi feito durante encontro com parlamentares da bancada federal e dezenas de prefeitos, como desdobramento da XXI Marcha a Brasília, movimento criado duas décadas atrás e que mobiliza prefeitos do Brasil inteiro na Capital Federal anualmente.

Além de clamar pelo Pacto Federativo, Tema disse que os programas federais não conseguem se sustentar, fazendo com que as prefeituras tenham que entrar com sua contrapartida. Exemplificou a situação do Programa Nacional de Família (PSF), que acaba se tornando um sufoco para os prefeitos.

“O Governo Federal, através do DENASUS, quer que os médicos exerçam uma jornada de 40 horas semanais, com um salário que não passa de R$ 7 mil. Ora, todos sabem que há uma grande carência de médicos no Brasil, e nenhum deles aceita essa jornada com esse minguado salário”, pontuou.

Cleomar Tema destacou ainda a questão da merenda escolar, afirmando que os recursos são parcos, e que acabam sendo complementados pelos municípios. Disse ainda o líder municipalista, que estes são alguns dos problemas que preocupam os gestores municipais.

“Estamos atravessando talvez a pior crise econômica das últimas décadas, com elevação diária no preço dos combustíveis, um drama que já afeta milhares de brasileiros,  assim com uma alta taxa de desemprego. E não estamos vislumbrando saída a curto prazo, mas todos os problemas acabam recaindo sobre a cabeça é dos prefeitos”,  salientou Tema.

O presidente da FAMEM conclamou os deputados federais do Maranhão para que insistam no projeto de se estabelecer o tão discutido, tão prometido, tão sonhado e nunca realizado Pacto Federativo.

O pronunciamento de  Tema teve aparte do prefeito Dr. Borba, da cidade de Timbiras. Ele afirmou que tudo o que Tema falou se enquadra com sua linha de raciocínio e foi mais além, ao pedir o Plano de Cargos Carreiras e Salários dos Médicos.

Disse que é médico há 30 anos assegurando que é uma categoria desemparada, que tem que trabalhar em mais de um emprego para garantir o sustento. “Vejamos os profissionais do Direito: todos têm garantias salariais, ao contrário de nós médicos, que trabalhamos até à exaustão, com uma carga de trabalho muito sacrificante. por conta disso, dou meu total apoio ao seu pronunciamento, presidente Tema”, afirmou Borba.

A reunião no Nereu Ramos foi conduzida pela deputada Luana Costa (PSC), atual coordenadora da bancada e contou com as presenças dos deputados Rubens Pereira Júnior (PC do B), João Marcelo (MDB), Hildo Rocha (MDB), Julião Amin (PDT), Juscelino Filho (DEM), Kleber Verde (PRB),  José Carlos da Caixa (PT),  Zé Reinaldo (PSDB), Pedro Fernandes (PTB), Aluísio Mendes (Podemos), o vice-governador Carlos Brandão e os deputados estaduais Rafael Leitoa (PDT) e Vinícius Louro (PR).

 

 

Prefeitos maranhenses irão participar da XXI Marcha em Defesa dos Municípios

Uma caravana formada por dezenas de prefeitos e prefeitas do Maranhão participa, esta semana, da XXI Marcha à Brasília em Defesa dos Municípios.

O evento municipalista, o maior do país, acontece no Centro Internacional de Convenções do Brasil (CICB), na capital federal, e, este ano, tem como tema “Compromisso com o Brasil”.

A caravana maranhense é coordenada pelo presidente da Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (FAMEM) e prefeito de Tuntum, Cleomar Tema.

A solenidade de abertura será realizada nesta terça-feira (22), a partir das 8h, e contará com a presença do presidente Michel Temer.

Os gestores do Maranhão participarão de uma vasta programação, que terá prosseguimento até quinta-feira (24), na qual serão abordados temas de interesse da municipalidade, tais como decisão imediata sobre a divisão dos royalties do petróleo; pagamento aos municípios dos créditos do Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISS); aumento de 1% do Fundo de Participação dos Municípios (FPM).

Também será realizada a tradicional reunião dos gestores com os membros da Bancada Maranhense em Brasília.

Um dos pontos altos da Marcha será o debate com os presidenciáveis Alvaro Dias, Ciro Gomes, Marina Silva, Manuela D´Avila, Jair Bolsonaro, Afif Domingos, Geraldo Alckmin e Henrique Meirelles.

A programação completa do evento está disponível no www.cnm.org.br ou no www.famem.org.br

 

 

 

PSL  convida advogada de acusação no impeachment  de Dilma  como vice de Bolsonaro

O otimismo tomou conta do PSL com a possibilidade da chapa puro-sangue entre Jair Bolsonaro e Janaína Paschoal (foto acima).

Não se sabe ainda se a jurista aceitará a cadeira, mas uma coisa é fato: o partido não vai perder a oportunidade de capitalizar em cima dela.

Deputada federal, senadora, governadora e agora vice-presidente. De um tudo seu nome já foi ventilado.

O frisson é tanto que há quem acredite que, se a chapa vingar, Bolsonaro leva a vitória no primeiro turno.

Não é para tanto.

 

Roberto Rocha e prefeitos entregam propostas de distribuição dos royalties da mineração

 

70% dos recursos seriam para os municípios afetados pelas ferrovias e 30% para instalações portuárias, minerodutos, barragens e pilhas de estéreis

A proposta para distribuição dos royalties provenientes da atividade de mineração aos municípios afetados foi tema de uma audiência ocorrida, nesta semana, na Casa Civil da Presidência da República, com a presença do senador Roberto Rocha, do ex-prefeito de Imperatriz, Sebastião Madeira, e de uma comitiva de prefeitos das cidades ligadas ao Consórcio Intermunicipal Multimodal (CIM).

Proposta do senador Roberto Rocha (PSDB-MA) e das bancadas no Senado Federal dos estados do Maranhão, Espírito Santo, Minas Gerais, Pará e Rio de Janeiro expressa que 15% da Compensação Financeira pela Exploração de Recursos Minerais (CFEM) sejam repartidos da seguinte maneira: 70% seriam destinados aos municípios afetados pelas ferrovias situadas nesses cincos estados; e 30% para cidades afetadas por instalações, minerodutos, pilhas de estéreis e barragens de rejeito.

Atualmente, existem 89 municípios afetados por operações cotidianas de transporte de minério de ferro nessas cinco unidades da federação, alcançando uma população superior a três milhões de pessoas. “Costuramos um amplo acordo político, pensando sempre na questão dos impactos ambientais que afeta cada cidade onde ocorre algum tipo de atividade de mineração, desde o transporte do apito do trem, até as instalações portuárias, as pilhas estéreis e barragens de rejeito. Essa é a melhor proposta e tenho a convicção de que é justa para todos”, concluiu Roberto Rocha.

 

 

Raimundo Penha e Osmar Filho visitam Vila Brasil

Os vereadores Raimundo Penha e Osmar Filho, ambos do PDT, visitaram, neste último domingo (20), o bairro Vila Brasil.

Atendendo solicitação feita pela União de Moradores, os parlamentares, acompanhados do secretário municipal de Obras de São Luís, Antônio Araújo, percorreram todas as vias que integram o trajeto do transporte coletivo que serve a comunidade.

Penha e Osmar conversaram diretamente com os moradores, ouviram suas reivindicações como forma de leva-las para o debate na Câmara Municipal e transforma-las em ações concretas.

Antônio Araújo deu um prazo  aos vereadores que no máximo  30 dias, apresentará um cronograma de trabalho com o objetivo de iniciar a recuperação das ruas do bairro, o que figura, hoje, como um dos principais anseios dos moradores.

“Eu, o Osmar e os demais vereadores de São Luís estamos somando esforços na busca de soluções para a sociedade e fortificando a presença da Câmara nos bairros de nossa cidade. Assim seguiremos e ampliaremos, cada vez mais, este trabalho”, afirmou Penha.

União – Raimundo Penha e Osmar Filho, além de outros parlamentares, como Pedro Lucas Fernandes (PTB), vem somando esforços no sentido de aumentar a presença do Poder Legislativo nos bairros da capital maranhense.

Além da visita à Vila Brasil, os pedetistas e Fernandes participaram de atividades de apoio e combate à violência contra crianças e adolescentes.

Na região da Cohab/Cohatrac, por exemplo, Raimundo Penha, Osmar Filho e Pedro Lucas estiveram, juntos, participando de uma grande caminhada no sábado pela manhã que reuniu milhares de moradores e estudantes.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Raimundo Penha e Osmar Filho visitam Vila Brasil

 

 

 

Os vereadores Raimundo Penha e Osmar Filho, ambos do PDT, visitaram, neste último domingo (20), o bairro Vila Brasil.

 

Atendendo solicitação feita pela União de Moradores, os parlamentares, acompanhados do secretário municipal de Obras de São Luís, Antônio Araújo, percorreram todas as vias que integram o trajeto do transporte coletivo que serve a comunidade.

 

Penha e Osmar conversaram diretamente com os moradores, ouviram suas reivindicações como forma de leva-las para o debate na Câmara Municipal e transforma-las em ações concretas.

 

Antônio Araújo deu um prazo  aos vereadores que no máximo  30 dias, apresentará um cronograma de trabalho com o objetivo de iniciar a recuperação das ruas do bairro, o que figura, hoje, como um dos principais anseios dos moradores.

 

“Eu, o Osmar e os demais vereadores de São Luís estamos somando esforços na busca de soluções para a sociedade e fortificando a presença da Câmara nos bairros de nossa cidade. Assim seguiremos e ampliaremos, cada vez mais, este trabalho”, afirmou Penha.

 

União – Raimundo Penha e Osmar Filho, além de outros parlamentares, como Pedro Lucas Fernandes (PTB), vem somando esforços no sentido de aumentar a presença do Poder Legislativo nos bairros da capital maranhense.

 

Além da visita à Vila Brasil, os pedetistas e Fernandes participaram de atividades de apoio e combate à violência contra crianças e adolescentes.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Na região da Cohab/Cohatrac, por exemplo, Raimundo Penha, Osmar Filho e Pedro Lucas estiveram, juntos, participando de uma grande caminhada no sábado pela manhã que reuniu milhares de moradores e estudantes.

O ato teve como objetivo chamar a atenção da sociedade para a importância de combater e denunciar casos de agressão contra crianças e adolescentes.

No Centro de São Luís, na sexta-feira a tarde, Penha e o vereador Ricardo Diniz (PRTB) participaram de evento idêntico e foram recebidos pelo prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT), que ratificou o compromisso de executar novas políticas públicas direcionadas para garantir os direitos deste público.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O ato teve como objetivo chamar a atenção da sociedade para a importância de combater e denunciar casos de agressão contra crianças e adolescentes.

No Centro de São Luís, na sexta-feira a tarde, Penha e o vereador Ricardo Diniz (PRTB) participaram de evento idêntico e foram recebidos pelo prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT), que ratificou o compromisso de executar novas políticas públicas direcionadas para garantir os direitos deste público.